PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Nico López só necessita 44 minutos para marcar para no Tigres

22/10/2020 13h13

O atacante uruguaio Nico López segue vivendo uma etapa importante com as cores de Tigres. No último sábado, na vitória de seu time sobre Cruz Azul, o camisa 11 anotou um lindo gol de fora da área e abriu caminho para a vitória por 2 a 0 do atual terceiro colocado do Campeonato Mexicano, confirmando a fase artilheira que está atravessando.

- Sinto que este bom momento é resultado de tudo o que entregos nos trinamentos. Todos os meus companheiros me apoiarame me sinto seguro para entregar os resultados dentro de campo.Meu desejo é seguir evoluindo para corresponder com gols e assistências para que possamos crescer coletivamente - afirmou o jogador.

Nos últimos seis jogos, o atacante uruguaio passou a ser uma das principais opções ofensivas do técnico Tuca Ferretti. De acordo com as expectativas no campo, Nico López teve participação direta em sete gols: fez cinco e deu duas assistências.

Os números mostram a eficiência de Nico López. Saindo do banco em cinco ocasiões, o atacante alcançou suas marcar em apenas 220 minutos jogados, garantindo uma média de um gol a cada 44 minutos, ou 0,83 por partida disputada.

Ganhando lugar cativo no Tigres, Nico López já está focado na próxima rodada do Campeonato Mexicano com a expectativa de estar no 11 inicial. Neste sábado, o atacante volta a campo contra o Juárez, buscando se aproximar da liderança.

Objetivo: seleção uruguaia

Vivendo bom momento no futebol mexicano, Nico Lopéz sonha em defender novamente a seleção uruguaia. Na primeira lista para as Eliminatórias da Copa do Mundo, o atacante acabou ficando de fora, mas acredita que o objetivo é plausível com a sequÇencia de partidas que vem tendo.

- Representar seu país é o sonho de qualquer jogador. Meu objetivo é melhorar em cada partida para ter essa oportunidade. Estou focado no que posso apresentar no Tigres, já que é do meu trabalho aqui que serei lembrado. Estou feliz com o momento que estou passando e pronto para responder quando me chamarem - completou o uruguaio.

Futebol