PUBLICIDADE
Topo

Santos

Rollo convida José Renato Quaresma para auxiliar na gestão do Santos

Orlando Rollo se reúne com pré-candidatos à presidência do Santos na Vila Belmiro - Reprodução
Orlando Rollo se reúne com pré-candidatos à presidência do Santos na Vila Belmiro Imagem: Reprodução

01/10/2020 05h00

Durante reunião para abrir as contas do Santos nesta quarta-feira (30), o presidente em exercício, Orlando Rollo, convidou José Renato Quaresma para o auxiliar na gestão do clube nos próximos três meses. Ele exercerá uma espécie de "assessoria especial de futebol" de forma voluntária.

A ideia de ter José Renato durante o que é chamado internamente de "gestão de transição" partiu do próprio Rollo, que contará com o "assessor" para organizar administrativamente o Peixe através de articulações, tanto em questões internas, quanto externas.

Internamente, Quaresma terá papel fundamental em alinhar grupos distintos a fim de aprovar situações que contribuam com o clube, como, por exemplo, a venda de atletas no próximo trimestre, que a partir desta quinta-feira (01) só será possível com a anuência do Conselho Deliberativo. Já fora do clube, a ideia é aproveitar a sua entrada comercial como um homem de negócios, além a experiência de mercado, para ajudar na articulação das negociações de atletas, uma das poucas alternativas de previsão de caixa que a atual gestão possui no momento.

O Santos precisa de R$ 52 milhões nos próximos 13 dias para evitar novas punições perante a Fifa por não pagamento em negociações com outros clubes. Desde março a equipe não está autorizada a registar jogadores por conta de uma pendência com o Hamburgo (ALE) que hoje se encontra em R$ 26,2 milhões, pelo não pagamento aos alemães pela contratação do zagueiro Cléber Reis, em 2017, ainda na gestão presidida por Modesto Roma Júnior. Já com o Huachipato (CHI), a ação é movida pela falta de acerto pela contratação do atacante Soteldo, no início de 2019, já na administração de José Carlos Peres, com a dívida atual se encontrando em R$ 19,9 milhões.

JOSÉ RENATO QUARESMA

Empresário do ramo de serviços, é o sócio-proprietário da Embraps, que atua no segmento de terceirização. Quaresma foi um dos fundadores da empresa há 22 anos.

Figura ativa, tanto na política do Peixe, como também na cidade de Santos, José Renato é conselheiro do clube no qual concorreu à vice-presidência no último pleito, em 2017, na chapa encabeçada por Andrés Rueda, que postula ao cargo novamente este ano, dessa vez com José Carlos de Oliveira como vice. Há menos de três anos, Rueda e Quaresma ficaram na segunda colocação da eleição, com 1261 votos.

Em 2015, José Renato Quaresma também fez parte do Comitê Gestor do Santos durante os seis primeiros meses de mandato do ex-presidente Modesto Roma Júnior, que o exonerou do cargo após divergências, principalmente em relação ao veto dos gestores a contratação do técnico Oswaldo de Oliveira à época.

Santos