PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

Fluminense pede desculpas por 'cortar' Conca em homenagem no Twitter

Conca foi cortado de foto da conquista do tri do Brasileiro do Fluminense - Matheus Andrade/Photocamera
Conca foi cortado de foto da conquista do tri do Brasileiro do Fluminense Imagem: Matheus Andrade/Photocamera

27/09/2020 16h30

A figura de Conca se tornou pivô de discórdia neste fim de semana nas redes sociais do Fluminense e gerou um pedido de desculpas do clube, hoje, no Twitter. Tudo começou quando o perfil oficial do Tricolor relembrou, em meio ao especial dos 10 anos do tricampeonato brasileiro, a vitória por 2 a 1 sobre o Vitória no Barradão: o argentino foi "retirado" da foto na qual comemorava o gol com Rodriguinho.

Além da repercussão negativa entre os torcedores, o vice geral, Celso Barros, utilizou seu Instagram para criticar o mandatário Mário Bittencourt e o chefe de comunicação do clube.

"Mais uma postura lamentável do Mário Bittencourt e do seu chefe de comunicação, que foi cortar a foto do Conca das redes sociais da conquista em que fomos campeões brasileiros de 2010. Uma atitude lamentável de ingratidão e de ódio que os dois citados externaram. A conquista de 2010, veio depois de vinte anos do último campeonato brasileiro em que o Flu foi campeão".

Além disto, Barros disparou: "Esqueça o ódio presidente, procure trabalhar para um dia, quem sabe, ter seu nome reconhecido pelos torcedores do Fluminense".

Hoje, o Tricolor das Laranjeiras publicou um pedido de desculpas no Twitter. "O Departamento de Comunicação do Fluminense pede desculpas pelo erro na postagem do "#10AnosDoTri" de ontem (26/10), quando, por descuido lamentável, retirou de forma equivocada o ex-jogador Conca da foto publicada" escreveu o clube. Além disto, foi publicada uma foto do argentino com a camisa tricolor.

Fluminense