PUBLICIDADE
Topo

Santos

Cuca entende choro de Marinho: "precisamos valorizar esse jogador"

Do Lancepress, em São Paulo

20/09/2020 21h45

Classificação e Jogos

O técnico Cuca concedeu entrevista coletiva após o empate contra o Botafogo, por 0 a 0, no Estádio Nilton Santos. Um dos assuntos abordados foi o choro de Marinho após o final da partida. O comandante santista elogiou a garra do jogador, entendeu sua frustração e disse que é preciso valorizar esse tipo de atitude.

"Chorou, socou o gramado, ficou desolado. E não é só ele. São todos. O torcedor tem que valorizar esse tipo de profissional. Esses meninos, e Marinho também, com espírito jovem, passam dificuldade enorme. Ninguém reclama de atraso ou outras coisas", afirmou.

Cuca também comentou o lado emotivo da reação de Marinho. Para ele, após uma partida muito boa sem ter o resultado positivo, o emocional acaba ficando mais pesado, ainda mais na construção de uma "família".

"Estamos construindo uma família. Quando fazemos partida tão bela e não ganhamos, entra o emotivo. Por essa razão imagino o motivo de ter ficado bravo. Como fazemos tudo e mais um pouco, também fico sentido. Temos que valorizar o jogo ao invés de reclamar".

Santos