PUBLICIDADE
Topo

Herói, Muriel se recupera após falha em retorno e ganha confiança no Flu

Muriel parou cobrança de pênalti de Rafinha e deu o título da Taça Rio ao Fluminense - Mailson Santana/Fluminense FC
Muriel parou cobrança de pênalti de Rafinha e deu o título da Taça Rio ao Fluminense Imagem: Mailson Santana/Fluminense FC

10/07/2020 13h54

Classificação e Jogos

Xodó da torcida em 2019, o goleiro Muriel começou a temporada atravessando uma fase de dúvidas. Seja pelas boas atuações do reserva, Marcos Felipe, enquanto ele ainda estava machucado ou pelas falhas em algumas partidas recentes. No entanto, o arqueiro deu a volta por cima em um dos jogos mais importantes da temporada.

Graças a ele, o Fluminense sagrou-se campeão da Taça Rio contra um Flamengo que muitos davam como imbatível. Após o 1 a 1 no tempo normal, o Tricolor venceu nos pênaltis.

Muriel foi seguro durante os 90 minutos, quando salvou o Flu especialmente em uma perigosa cabeçada de Gabriel Barbosa. No gol de Pedro, em falha geral de marcação, não teve culpa. Nos pênaltis, ele brilhou. Primeiro, na cobrança de Willian Arão. Depois, na última, quando pegou a bola de Rafinha e deu o título ao Tricolor. Resultados importantes para quem precisava reassegurar o posto e mostrar que ainda pode ser o ponto se segurança que a torcida via no ano passado.

Em 17 jogos no ano, o goleiro sofreu apenas 14 gols, consolidando uma defesa segura do Flu. No entanto, alguns lances ficaram marcados. Contra o próprio Flamengo, na semifinal da Taça Guanabara, foi um jogo nervoso do atleta. Muriel falhou com menos de um minuto, quando saiu mal permitindo antecipação de Bruno Henrique. Ele ainda voltou a aparecer mal pouco tempo depois, quando se posicionou mal e permitiu o gol de Gabriel Barbosa.

Contra o Madureira, a goleada por 5 a 1 deixou a falha de lado, mas o goleiro levou um frango no único gol dos adversários. O último foi contra o Volta Redonda, logo no primeiro jogo após a retomada do Campeonato Carioca. Logo aos cinco minutos, Pedrinho finalizou em cima de Muriel, mas o arqueiro não conseguiu realizar a defesa. Isso, somada à expulsão de Egídio aos 15 minutos, dificultou o jogo do Flu, que acabou perdendo por 3 a 0.

Um dos líderes do elenco, Muriel ainda conta com a confiança da comissão e dos jogadores. Após a partida, por exemplo, alguns atletas comentaram nas redes sociais chamando o goleiro de "Muroel", entre outras brincadeiras sobre a segurança do companheiro. Para as finais do Campeonato Carioca, o Fluminense precisará novamente do arqueiro inspirado para conquistar mais um título.

Fluminense