PUBLICIDADE
Topo

Landim explica problemas com a transmissão e avalia: 'A estratégia não estava errada, havia demanda'

05/07/2020 18h55

A situação relacionada à transmissão do jogo entre Flamengo e Volta Redonda, neste domingo, ficou caótica ainda nas primeiras horas da manhã. Se antes tinha gerado revolta por conta da decisão de cobrar R$ 10 para não sócios, o Rubro-Negro viu a plataforma não sustentar o "fluxo muito grande perto da hora do jogo" e, por isso, resolveu liberar as imagens na FLA TV, pelo YouTube - gratuitamente e para todos. Tudo isso já com a bola prestes a rolar.

Após a partida, vencida pelo Flamengo por 2 a 0, no Maracanã e pela semifinal da Taça Rio, Rodolfo Landim falou ao microfone do canal oficial do clube no YouTube. Devido à alta demanda, ele vê que a "estratégia não estava errada".

- Estamos em fase de testes e procurando conhecer bem esse mercado de streaming, agora através de pagamento para a transmissão... Só que o sucesso foi tão grande que acabou criando um gargalo no processo de pagamento da plataforma, e não se conseguiu finalizar o processo. Mesmo assim, tivemos cerca de 5 mil pessoas no exterior (fora do país, pagando 8 dólares) e, aqui no Brasil, como houve um fluxo muito grande perto da hora do jogo, não se conseguiu ter capacidade de processamento o suficiente, mas 100 mil pessoas ainda conseguiram acompanhar na plataforma (MyCujoo). Devido a centenas de milhares de pessoas que não conseguiram ter acesso, entendemos que seria importante liberar o sinal para todo mundo - disse, completando:

- Mas é importante mostrar que a estratégia não estava errada, pois, na verdade, havia uma demanda muito grande para o jogo. O fato é que precisamos evoluir, só que isso faz parte do processo de aprendizado que vamos tendo.

O LANCE! entrou em contato com Terence Gargantini, diretor geral da empresa no Brasil e América Latina, que lamentou o contratempo e afirmou que o valor gasto por torcedores será reembolsado (estornado no caso de cartão de crédito), e que o Fla explicará o processo, oficialmente, em breve.

Além disso, também foi dito que o problema se deu apenas por conta da Ebanx, parceira de pagamentos da plataforma, e que também irá se manifestar. "O MyCujoo nao teve problema algum", realçou.

Caso o Flamengo seja sorteado, nesta segunda-feira, a partir das 10h, como mandante da final da Taça Rio, o clube deve, novamente, transmitir a partida contra o Fluminense na FLA TV. A aguardar os próximos capítulos.

Futebol