PUBLICIDADE
Topo

Especialista em direito desportivo diz que impasse entre Fla e Globo pode ter reviravolta até hora do jogo

30/06/2020 18h43

A briga judicial entre Flamengo e Rede Globo pela transmissão da partida do Rubro-Negro com o Boavista deve render fortes emoções em breve. Ao LANCE!, o especialista em direito desportivo, João Guimarães detalhou quais tendem a ser os desdobramentos do imbróglio jurídico, que teve novo capítulo na tarde desta terça-feira, quando a emissora do Jardim Botânico entrou com novo recurso para proibir que o clube exiba a partida na FlaTV.

- Será um momento de muitas idas e vindas. O Flamengo conseguiu esta liminar para fazer esta transmissão. Para todos os efeitos, com ela sendo mantida, não "caindo", o clube terá respaldo jurídico para transmitir o jogo no canal dele, na FlaTV - disse o jurista da Bosisio Advogados.

Em seguida, Guimarães, que é procurador do TJD-RJ, sinalizou os caminhos até o impasse ser resolvido.

- O que me preocupa neste caso é que este cenário provisório tende a oscilar muito a ter uma decisão de mérito. É um processo que vai transitar por outras fases. Não dá para garantir que essa situação vá se resolver rapidamente - e indicou um caminho que pode abreviar o desacordo entre o Rubro-Negro e a emissora:

- Não seria algo incomum as partes sentarem e negociarem. Afinal, essa briga jurídica não é boa para ninguém. O que pode ter ali é cada parte com a sua estratégia. No cenário jurídico, acho que o Flamengo, à medida que vai ganhando um degrau ou não, dependendo dos sinais, vai aumentando o poder de barganha. A tendência é que o clube vá se pautar de acordo com a situação jurídica que tiver no momento - completou.

O advogado indicou que o conflito entre Flamengo e Rede Globo pode render constantes idas e vindas de ambas e partes

- Vejo este assunto com muita cautela, por ser uma decisão muito transitória. Os advogados da Globo já estão se mexendo. Não duvido que até a hora do jogo (entre Flamengo e Boavista, nesta quarta-feira) a gente fique em compasso de espera por outra determinação. Uma decisão monocrática por um juiz de primeiro grau é cassada no Tribunal. A situação é essa, mas corre risco de, com esta corda se esticando, ter muitos novos capítulos em torno deste jogo e até mesmo das fases finais do Estadual, considerando toda a dinâmica jurídica - afirmou.

Futebol