PUBLICIDADE
Topo

'Seleção é momento, não tem dessa de família', diz Jair Pereira ao L!

03/06/2020 07h15

A certeza de que a Seleção Brasileira passa por um período de reconstrução marca Jair Pereira. Convidado do "De Casa Com o LANCE!" na última terça-feira, o treinador que tem em seu currículo títulos com Seleção sub-20, Corinthians, Flamengo, Atlético-MG, Cruzeiro e Vasco, ele avaliou as mudanças pelas quais a equipe canarinha passou.

- Olha, desde aquele 7 a 1 o nosso futebol se complicou. Depois, veio o Dunga, aí com a chegada do Tite, conseguimos nos classificar bem para a Copa do Mundo. Com a derrota no Mundial de 2018, ficou ruim e acho que ele está fazendo uma renovação. Claro que ele não pode tirar todo mundo, mas ainda tem muita gente boa que merece espaço - afirmou.

Com sua experiência, Jair se esquiva ao pedir os jogadores. Porém, dá uma pista sobre onde acha que a Seleção precisa mudar.

- É muito difícil dizer um nome. Ele já colocou o (Everton) Cebolinha. Mas na cozinha tem de fazer uma renovação. A Alemanha ganhou por 7 a 1 sem dar um drible na gente, era só triangulação, toque objetivo... Na nossa categoria de base, estão com mania de tentar mostrar tática aos garotos desde muito cedo. Não, primeiro tem de ensinar fundamentos. O exercício analítico depois dá condição de você dar confiança aos jogadores - declarou.

Veja a íntegra da entrevista aqui!

Jair Pereira ainda falou sobre o que tem de ser privilegiado nas conovcações.

- Tem que jogar quem está melhor. Não tem esse negócio de "família". Além disso, tem de atacar marcando, com todo mundo vindo para cima. Chegar com mais jogadores na frente e lá atrás deixar a marcação certinha. É uma frase que sempre uso: jogar com "choque elétrico" na frente e fita isolante lá atrás. Simples, certo e objetivo - frisou.

SOBRE O 'DE CASA COM O LANCE!'

O "De casa com o LANCE!" é um programa apresentado exclusivamente através do Instagram do site. No formato home office, nossa equipe irá receber convidados exclusivos de diferentes esferas, como atletas, profissionais e influenciadores digitais, além da participação dos leitores com perguntas ao vivo. Para não ficar de fora, acompanhe o nosso Instagram (@diariolance) e o Twitter (@lancenet).

Futebol