PUBLICIDADE
Topo

Rony faz primeiro treino com bola no Palmeiras na terça-feira de Carnaval

Atacante Rony treina com os novos companheiros de Palmeiras na Academia - Divulgação/SE Palmeiras
Atacante Rony treina com os novos companheiros de Palmeiras na Academia Imagem: Divulgação/SE Palmeiras

25/02/2020 11h49

A terça-feira de Carnaval é de treinamentos em dois períodos no Palmeiras, e a manhã começou com o primeiro trabalho com bola de Rony no clube. Além da atividade técnica do recém-contratado atacante, ainda teve o retorno de Jailson aos gramados, participando mesmo em recuperação de amigdalite.

Rony realizou somente trabalho físicos na segunda-feira, assim como todo o elenco, que teve três dias de folga; Nesta terça-feira, ocorrem treinamentos em campo reduzido e ocupando quase toda a extensão do gramado, mas ainda sem qualquer definição do time que entrará em campo no sábado, contra o Santos, no Pacaembu, pelo Campeonato Paulista.

A participação de Rony no clássico ainda depende da regularização de sua documentação - teve 50% dos seus direitos econômicos adquiridos sob pagamento de 6 milhões de euros (quase R$ 28 milhões) ao Athletico-PR e assinou até o fim de 2024. Mas a expectativa é de que ele esteja apto nesta semana, já que, na sexta-feira, o clube precisa enviar sua lista de inscritos na Libertadores. E ele também seria registrado no Campeonato Paulista.

Quem estará à disposição é Jailson. O goleiro ficou fora das atividades físicas de segunda-feira por conta de uma amigdalite, mas participou sem qualquer limitação de todas as atividades técnicas desta manhã. O primeiro reserva de Weverton deve ser relacionado para o clássico do fim de semana.

A ausência dos trabalhos técnicos desta manhã foi Ramires. O volante ficou fora dos dois últimos jogos em tratamento de pancada na perna direita, recebida na vitória por 1 a 0 sobre a Ponte Preta, no dia 8, e, apesar de ter treinado fisicamente na segunda-feira, começou a terça-feira com um exercício isolado, com bola, dentro de um processo de transição antes de ser liberado.

Continuam fora também os dois laterais-direitos, que também podem voltar a desfalcar no sábado. Marcos Rocha torceu o tornozelo direito no dia 8, contra a Ponte Preta, e Mayke se machucou no jogo seguinte, quando o substituiu, diante do Mirassol, no dia 16, sofrendo uma lesão no pé esquerdo. Ainda não é certa nem a presença de ambos no dia 4, quando o clube estreia na Libertadores, contra o Tigre, na Argentina.

O Palmeiras volta a trabalhar durante a tarde desta terça-feira, novamente com a presença da imprensa na Academia de Futebol. O clube ocupa a vice-liderança do Grupo B, com 16 pontos em sete jogos, atrás só dos 18 do Santo André, dono da melhor campanha da competição. O Verdão encara o Santos às 16h de sábado, no Pacaembu, pela oitava rodada do Estadual.

Fredy: Verdão será mais pressionado no estadual que o Timão

Band Sports

Esporte