PUBLICIDADE
Topo

Diego Torres rescinde o contrato com a Chapecoense

21/02/2020 17h33

Chegou ao fim a passagem de Diego Torres pela Chapecoense. Na tarde desta sexta-feira, o argentino rescindiu em comum acordo o seu contrato com o clube catarinense.

Contratado a peso de ouro junto ao Deportes Iquique-CHI, o atacante nunca conseguiu render o esperado no Verdão do Oeste. Na temporada passada, ele até foi colocado no mercado pela diretoria, mas não conseguiu encontrar outro clube.

Neste ano, nem mesmo a chegada de Hemerson Maria fez o atleta se animar nos treinamentos e brigar por um espaço no time.

A saída do argentino ajuda a Chapecoense, que não atravessa por um bom momento financeiro, a diminuir a folha salarial, pois Diego Torres ganhava um dos maiores salários do clube.

No total, ele participou de 45 partidas com a camisa da Chape e anotou apenas quatro gols, números bem abaixo do esperado.

Furacão Umberto Louzer

Desde a chegada do treinador na última segunda-feira, o clube já acertou a saída de três atletas. Além de Diego Torres, o lateral-esquerdo Vini Freitas e o meia Yann Rollim saíram.

Futebol