PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Após ver jogo no Allianz, Hulk visita Academia; salário o afasta do Verdão

18/02/2020 17h00

Depois de ir ao Allianz Parque assistir à vitória por 3 a 1 sobre o Mirassol, no domingo, Hulk voltou a estar em dependências do Palmeiras nesta terça-feira. Novamente a convite de João Paulo Sampaio, seu amigo e coordenador das categorias de base do clube, o atacante visitou a Academia de Futebol com a família enquanto o time treinava no campo. Mas sua contratação ainda é considera muito complicada, no momento, pela diretoria.

O atacante de 33 anos de idade é do Shangai SIPG, da China, e está no Brasil de férias. Diante dos problemas com o coronavírus no país asiático, o Verdão consultou as condições de trazê-lo. Os dirigentes se assustaram com os salários e, como o jogador não abre mão dos valores, até por estar no último ano de contrato, sua chegada agora é tida como difícil. Mas pode ocorrer em 2021 ou se ocorrer um empréstimo, com parte dos vencimentos pagos pelos chineses.

A diretoria mantém essa postura de cautela, como ocorre frequentemente desde a chegada do diretor de futebol Anderson Barros. Mas há esperança. Hulk nunca escondeu que é torcedor do clube e as dificuldades para realização das partidas na China nesta temporada pode facilitar sua vinda. A recente proximidade, ao menos, pode adiantar um acerto para o ano que vem.

De qualquer forma, Hulk já conheceu o Allianz Parque e, nesta quarta-feira, acompanhado dos familiares, viu de perto a estrutura do elenco profissional na Academia de Futebol. As relações estão ficando cada vez mais estreitas, mesmo com o discurso oficial praticamente descartando o negócio neste momento.

O Palmeiras segue no mercado tentando fechar o elenco, a 15 dias de sua estreia na Libertadores. Somente o lateral-esquerdo uruguaio Matias Viña, ex-Nacional, foi contratado. Os dirigentes buscam um atacante - já fez proposta de 6 milhões de euros (aproximadamente R$ 28 milhões) por Rony e monitora mais um desentendimento dele com o Athletico-PR -, tentou trazer o lateral-direito Daniel Muñoz, do Atlético Nacional, e já sondou volantes.

Futebol