PUBLICIDADE
Topo

Manchester United relembra os 62 anos do desastre aéreo de Munique

Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram

06/02/2020 10h07

O dia 6 de fevereiro nunca é uma data qualquer para o torcedor do Manchester United. Há 62 anos, o clube viveu sua maior tragédia. Neste mesmo dia em 1958, um avião com a delegação do clube inglês caiu nas imediações do aeroporto de Munique, na Alemanha.

Com 44 pessoas a bordo, incluindo jogadores, comissão e jornalistas, o voo BE609 tinha partido da cidade de Belgrado, na antiga Iugoslávia, onde os Diabos Vermelhos enfrentaram o Estrela Vermelha pela Liga dos Campões. Após uma parada na Alemanha para abastecimento da aeronave, o avião não conseguiu decolar pois passou por uma camada de neve derretida, o que provocou um desaceleramento e causou o acidente.

Ao todo, 23 passageiros faleceram na tragédia, incluindo oito jogadores: Geoff Bent, Roger Byrne, Eddie Colman, Duncan Edwards, Mark Jones, David Pegg, Tommy Taylor e Liam Whelan. Três membros da comissão técnica, oito jornalistas, dois tripulantes, um agente de viagens e um torcedor também morreram.

Nesta quinta-feira, uma cerimônia homenageará todos os mortos há 62 anos no memorial do clube que fica no Old Trafford, estádio do United. O evento é aberto aos torcedores.

Homenagens na internet

Como não poderia ser diferente, o Manchester United relembrou a data nas suas redes sociais e presou homenagens a todos os que estavam no voo. Porém, o clube não foi o único a se manifestar. Os dois maiores rivais do clube, Liverpool e Manchester City, também prestaram solidariedade ao clube.

Today, we remember them. #FlowersOfManchester

Uma publicação compartilhada por Manchester United (@manchesterunited) em

Manchester United