PUBLICIDADE
Topo

Saída de Sampaoli pode dar sobrevida a Vanderlei no Santos

Vanderlei, goleiro do Santos, enfrenta o Vasco - Marcello Zambrana/AGIF
Vanderlei, goleiro do Santos, enfrenta o Vasco Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

13/12/2019 09h00

A demissão de Jorge Sampaoli no Santos pode fazer com que o goleiro Vanderlei volte a disputar uma vaga na meta contra Everson. O camisa 1 do Peixe terminou a temporada no banco de reservas e sem atuar desde maio.

O "Lance!" apurou que o estafe de Vanderlei ainda não foi procurado por outros times neste início de janela de transferências. Por enquanto, o atleta vai esperar a chegada de um novo técnico para ser avaliado.

O ano começou de outro jeito. Mesmo com Everson sendo pedido de Sampaoli por saber atuar com os pés, Vanderlei foi titular nos primeiros seis jogos da temporada. Além disso, atuava no Paulistão e Sul-Americana, enquanto o camisa 22 disputava as partidas da Copa do Brasil.

O problema era o alto salário para pouco retorno dentro de campo. Vanderlei disputou somente 23 jogos. A pior marca dele havia sido em 2011, quando tinha defendido a meta do Coritiba em 22 oportunidades.

Sua última partida ocorreu no empate em 0 a 0 com o Internacional, na Vila Belmiro, pelo primeiro turno do Brasileirão. Dias depois, o Santos foi eliminado na Copa do Brasil, mas quem virou o titular da meta foi Everson no restante do torneio nacional.

Em alguns jogos na Vila Belmiro, o atleta não era esquecido pela torcida, que gritava seu nome até em falhas do 'concorrente' Everson. Os pedidos, inclusive, irritaram Sampaoli, que considerou o ato como 'falta de respeito'.

Vladimir é mais um que pode ser observado. O goleiro volta de empréstimo do Avaí, mas a diretoria santista também vai esperar a chegada do novo treinador para avaliá-lo. Ele tem contrato com o Peixe até fim de 2020.

Vanderlei é outro que tem vínculo com o Santos até o fim de 2020. Sendo assim, a partir de junho do ano que vem, o camisa 1 já pode assinar um pré-contrato com qualquer outro clube.

Santos