PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Red Bull Leipizig quer Walce, do São Paulo, e Bragantino pode ser 'ponte'

13/12/2019 19h22

O São Paulo deve receber em breve uma proposta oficial por Walce, e ela deve vir do Red Bull Leipzig, da Alemanha. O objetivo dos europeus, porém, é deixar o zagueiro por mais tempo no Brasil, mais especificamente em sua filial no país, o Red Bull Bragantino, que disputará a Série A do Brasileirão em 2020. A negociação, caso seja iniciada, é considerada complexa e delicada.

No momento, o clube alemão apenas sondou a situação do defensor e ainda não sinalizou ao Tricolor com valores, o que deve acontecer nos próximos dias. Apesar de as partes evitarem comentar o assunto, a quantia a ser apresentada já é de conhecimento da "filial" brasileira da Red Bull, que terá papel importante na negociação, se ela for realmente concretizada.

Isso porque o Bragantino, que é controlado pela empresa de energéticos, deve servir como "ponte" para Walce. O Leipzig compraria o jogador e o emprestaria ao time de Bragança Paulista por um período de um ano e meio para que ele pudesse ganhar rodagem antes de partir para o futebol europeu.

O São Paulo, por sua vez, não pretende se desfazer do atleta, e conta com ele para a temporada 2020, além disso quer evitar a venda de mais um jovem sem antes de ser sido aproveitado por mais tempo no elenco principal. Nas redes sociais os torcedores têm protestado contra a possível saída do zagueiro, que pretende ficar, mas aguarda o posicionamento do clube para definir o futuro.

Por conta do déficit financeiro, o clube precisa vender jogadores para equilibrar as contas e ganhar fôlego para a temporada 2020. Antony, que também desperta o interessa do RB Leipzig, é o principal candidato a deixar o clube nesta janela de transferências, o que deve gerar aos cofres são-paulinos algo em torno de R$ 90 milhões. Walce, Liziero e Igor Gomes são outros nomes com potencial para fazer caixa com transferências para o mercado externo.

Walce é uma das joias de Cotia, com destaque também nas seleções de base do Brasil e tem despertado o interesse do mercado externo há algum tempo. Aos 20 anos, ele faz parte do elenco profissional e é tratado como um jogador promissor dentro do clube. O zagueiro é a quarta opção para a posição, tem contrato até o fim de 2022 e em 2019, entrou em campo em cinco jogos.

Futebol