PUBLICIDADE
Topo

Futebol


No aguardo de Cerri e Sampaoli, Palmeiras acelera planos para 2020

09/12/2019 09h00

Encerrado o Campeonato Brasileiro, o Palmeiras agora vai acelerar os planos para a temporada que vem. Nesta segunda-feira, Diego Cerri e Jorge Sampaoli devem ter reuniões com Bahia e Santos, respectivamente. Os dois são os favoritos aos cargos de diretor de futebol e técnico do Verdão.

No caso do dirigente, já houve um contato entre os presidentes dos dois clubes e a expectativa é de que ele confirme a mudança do Tricolor para o Verdão. Cerri é o escolhido para substituir Alexandre Mattos e fará parte de um novo formato de gestão, aliado a um comitê estatutário.

Já Sampaoli é o grande nome para liderar a reformulação palmeirense. Ao demitir Mano Menezes, o argentino surgiu como consenso internamente para fazer uma equipe mais ofensiva e que reaproxime o torcedor. Não houve uma conversa direta com o comandante do Santos, mas representantes dele já tiveram um primeiro contato com o Palmeiras.

Nesta segunda, Sampaoli irá encontrar José Carlos Peres, presidente do Santos. Eles discutirão sobre a temporada que vem, e a expectativa é de que o investimento seja menor. Caso o clube não tenha condições financeiras de montar um elenco mais forte, o treinador deve definir sua saída.

A partir da escolha das duas vagas abertas no departamento de futebol, o Palmeiras passará a cuidar exclusivamente da reformulação de seu elenco. Thiago Santos já foi vendido para o FC Dallas (EUA), Edu Dracena anunciou sua aposentadoria, Henrique Dourado voltará ao Henan Jianye (CHN) e Fernando Prass não renovará.

Os próximos movimentos já dependerão dos novos diretor e treinador. Uma ideia que o Palmeiras tem para 2020 é usar mais as categorias de base e ir ao mercado de forma pontual. Já estão garantidas as promoções de Esteves, Patrick de Paula, Gabriel Menino, Angulo e Veron (que já jogou neste fim de ano), além das voltas de Vinicius Silvestre, Pedrão e Artur.

Futebol