Topo

Futebol


Presidente do Querétaro admite venda iminente de Volpi ao São Paulo

03/12/2019 15h03

Um dos temas que mais deixam o torcedor do São Paulo apreensivo para a próxima temporada é a compra definitiva de Tiago Volpi junto ao Querétaro. No entanto, isso parece próximo de um desfecho feliz para os são-paulinos, já que o presidente do clube mexicano, Jaimes Ordiales, admitiu que é bem provável que o goleiro seja negociado com o time brasileiro neste fim de ano. Em entrevista à ESPN, o mandatário deu sua versão sobre o assunto.

TABELA

> Veja classificação e simulador do Brasileirão clicando aqui

- Volpi tem uma opção de compra pelo São Paulo, e o mais provável é que esta opção seja exercida. Nós lhe desejamos o melhor: se quiser voltar, tem as portas abertas. É um ícone da instituição, uma referência, muito querido, e acredito e entendo que quer se destacar em seu país, chegar à seleção nacional pelo São Paulo, e acredito que vão adquiri-lo - disse Ordiales.

O goleiro está emprestado ao Tricolor até o final de 2020, porém tem valor fixado de compra em 5 milhões de dólares (R$ 21 milhões), o que já indiciou que deve ser exercido ainda neste mês. Há consenso nos bastidores do clube de que Tiago Volpi é uma peça essencial no elenco e o primeiro da posição que se firma desde a aposentadoria de Rogério Ceni, em 2015.

De acordo com pessoas ligadas à diretoria, não havia motivo para antecipar a compra do goleiro, primeiramente por conta das dificuldades financeiras pelas quais o São Paulo passa, mas também porque o direito de compra está assegurado até o final do contrato de empréstimo. Com o jogador, salário e tempo de contrato já estão acertados, bem como o desejo de permanecer.

Além de Volpi, Igor Vinícius tem contrato de empréstimo com o Tricolor e valor fixado de compra em R$ 2 milhões, algo que o clube deve pagar ao Ituano para manter o lateral-direito em seu elenco para 2020.

Futebol