Topo

Futebol


Timão acorda no segundo tempo, mas é previsível e não vence; leia análise

17/11/2019 20h02

O Corinthians empatou com o Internacional por 0 a 0 na 33ª rodada do Campeonato Brasileiro, e perdeu a chance de entrar no G6. O Timão começou a partida apostando na velocidade de Janderson pela esquerda e Vital pela direita. A missão de armar a equipe ficou com Sornoza e Junior Urso. Coube a Ralf ser o único volante de contenção. E foi pelo meio que o Inter conseguiu realizar suas principais jogadas, com Edenílson e D?Alessandro ocupando justamente os espaços na costa de Ralf.

No setor ofensivo, faltou criatividade ao Timão, que não conseguia trocar passes efetivos, parando na marcação colorada. O único chute do Corinthians foi de Janderson, somente aos 33 minutos de jogo em jogada individual. Boselli, centroavante da equipe na partida, não tocou na bola, ficando isolado na dupla de zaga do Internacional.

A segunda etapa foi de mais presença ofensiva do Timão, que conseguia chegar na área do Inter, mas errava na finalização ou no último passe. As jogadas pela ponta direita, com a dupla Fagner-Janderson. Junior Urso, Fagner e Boselli perderam chances de gol e levaram a torcida corintiana a loucura. Clayson entrou para dar mais fôlego ao ataque, mas os erros continuaram.

O Inter já não conseguia ameaçar a zaga do Corinthians, que tentava chegar ao gol com bolas cruzadas na área para Gustavo, que entrou na vaga de Boselli. Love também foi ao campo para ajudar, mas não surtiu efeito. O camisa 19 até marcou um gol, mas foi anulado por impedimento, o que frustou a Arena.

No fim, empate amargo para o Corinthians, que não consegue entrar no G6 e perde pontos para um rival direto na briga pela vaga à Libertadores.

Futebol