Topo

Futebol


Flu começa bem, mas recua e cede o empate para o Atlético-MG no fim

16/11/2019 21h05

Depois de um bom primeiro tempo, o Fluminense recuou na etapa inicial, quando o Atlético-MG cresceu na partida, e o duelo na noite deste sábado, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro, acabou terminando no empate em 1 a 1. O gol do Tricolor foi marcado por Patric, contra, com Di Santo, no fim, igualando o marcador para o Galo. O resultado não era o esperado por ambas as equipes nesta reta final decisiva da temporada.

Com o resultado, o Fluminense chegou a 35 pontos, mesma pontuação do Cruzeiro, mas ficará ao menos até segunda-feira fora da zona de rebaixamento - terá que torcer pela derrota da Raposa para o Avaí para não retornar ao Z4 nesta rodada. O Atlético-MG, por sua vez, chegou a 41 pontos, em 12º lugar do Campeonato Brasileiro. Ambas as equipes voltam a campo pela competição no próximo fim de semana - enquanto o Tricolor visita o CSA no dia 25, o Galo recebe o Athletico no dia anterior.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR E SIMULAR A TABELA DA COMPETIÇÃO

SORTE DE UNS...

Poucas rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro, o Fluminense entrou em campo sabendo da necessidade da vitória para diminuir os riscos de sofrer o rebaixamento. Para tanto, foi enérgico desde o minuto inicial, aproveitando os espaços que o Atlético-MG dava. Logo aos três, quase o primeiro gol com Gilberto, que obrigou o goleiro Cleiton a fazer grande defesa. Até que para sorte do Tricolor e azar do Galo, o placar foi inaugurado aos 15 com gol contra de Patric. Yony González aproveitou falha de Réver, a bola foi para a pequena área e Patric foi contra o próprio gol ao dividir com Marcos Paulo.

PRESSÃO TRICOLOR

Na frente do marcador, o Fluminense seguiu pressionando, reduzindo as possibilidades de uma reação por parte do Atlético-MG. Aos 25 minutos, Yony González teve uma chance, mandou de primeira, mas por cima. Os mineiros foram levar perigo pela primeira vez somente aos 36, quando Marquinhos tentou cruzar e por muito pouco Di Santo não conseguiu finalizar. O jogo foi para o intervalo com a vitória parcial do Fluminense por 1 a 0, com bastante justiça. Vagner Mancini teria muito trabalho no vestiário do Galo para mudar o panorama da pressão sofrida nos 45 minutos finais.

GALO FORTE, VINGADOR!

O segundo tempo do Atlético-MG foi bem melhor em relação aos 45 minutos iniciais, com o Fluminense praticamente abdicando do ataque - recuou -, tentando administrar o resultado. Bruninho tentou com poucos segundos, Di Santo pouco depois... A criação de ambos os lados ficou meio que truncada, tudo indicava que o Tricolor conseguiria os três pontos, até que o Galo, aos 43, foi forte o suficiente para fazer o gol do empate. Marquinhos fez boa jogada, achou Di Santo, dominou e mandou direto para o gol, sem chance para Marcos Felipe. Fim de jogo, 1 a 1, pela diferença dos dois tempos, resultado merecido.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 1 x 1 ATLÉTICO-MG

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Data/hora: 16/11/2019, às 19h (de Brasília)

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS) - Nota LANCE!: 6,5 (não influenciou no resultado)

Auxiliares: Rafael da Silva Alves (RS) e Lucio Beiersdorf Flor (RS)

Árbitro de vídeo: Daniel Nobre Bins (RS)

Gramado: Bom

Público/renda: 23.168 pagantes/24.405 presentes/R$ 478.110,00

Cartões amarelos: Marcos Felipe, Digão (FLU) e Réver, Jair, Igor Rabello (CAM)

Cartão vermelho: -

GOLS: Patric contra 15'/1ºT (1-0) e Di Santo 43'/2ºT (1-1)

FLUMINENSE: Marcos Felipe, Gilberto, Nino, Digão e Orinho (Igor Julião 24'/1ºT); Yuri Lima, Allan, Daniel e Paulo Henrique Ganso (Dodi 33'/2ºT); Yony González (Wellington Nem 31'/2ºT) e Marcos Paulo. Técnico: Marcão.

ATLÉTICO-MG: Cleiton, Patric (Geuvânio 22'/2ºT), Réver, Igor Rabello e Fábio Santos; José Welison, Jair (Vinícius 30'/2ºT), Luan, Bruninho (Bruninho 15'/2ºT) e Marquinhos; Di Santo. Técnico: Vagner Mancini.

Futebol