Topo

Seleção Brasileira


Após lesão, Alisson volta ao gol da Seleção e diz: "Estava ansioso"

Alisson defende pênalti de Gustavo Gómez no jogo entre Brasil e Paraguai na Copa América - Lucas Figueiredo/CBF
Alisson defende pênalti de Gustavo Gómez no jogo entre Brasil e Paraguai na Copa América Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

14/11/2019 16h50

O retorno de Alisson para os duelos com a Argentina, amanhã, e Coreia do Sul, na próxima terça-feira (19), é um dos principais trunfos para o Brasil voltar a vencer e encerrar o maior jejum da era Tite no comando da Seleção.

Após ser um dos pilares da equipe na vitoriosa campanha da Copa América, onde tomou apenas um gol em seis partidas e foi eleito o melhor goleiro do torneio, Alisson lesionou a panturrilha na estreia do Liverpool na Premier League e, por isso, não foi mais convocado. Nesse período, o Brasil realizou quatro amistosos, não venceu nenhum e ainda levou cinco gols.

Sob o comando de Tite, Alisson demorou 18 jogos para acumular cinco gols sofridos, o mesmo número de bolas na rede que a equipe levou somente nos últimos quatro amistosos.

"É muito bom poder estar novamente defendendo o Brasil. Infelizmente, fiquei um tempo afastado dos gramados por causa da lesão, mas já está tudo bem. Já pude fazer importantes jogos pelo Liverpool e estou totalmente recuperado. Estava ansioso para reviver esse ambiente da Seleção. Nosso grupo é muito bom, a galera é bem unida e todo mundo joga em altíssimo nível. O ano foi bom para nós, conseguimos conquistar um título importante, ainda mais na nossa casa, e precisamos terminar 2019 de forma positiva. E nada melhor do que vencer os dois jogos", afirmou.

Alisson também falou sobre o confronto com a Argentina, nesta sexta-feira, no clássico mais importante do futebol sul-americano.

"Enfrentar a Argentina é sempre muito especial. Estamos falando de um dos maiores clássicos do futebol mundial e as duas equipes contam com grande jogadores. Nos últimos anos, fizemos bons jogos contra eles e isso é mérito de todo o grupo. Amanhã, será mais uma partida bem complicada, como todas contra o time deles, e teremos que nos concentrar do começo ao fim para fazer uma boa apresentação e conquistar o nosso objetivo, que é a vitória", finalizou.

Seleção Brasileira