PUBLICIDADE
Topo

Futebol


CR7 não vai ser multado, mas Juventus espera pedido de desculpas

Cristiano Ronaldo ao ser substituído em jogo da Juventus - Marco Bertorello/AFP
Cristiano Ronaldo ao ser substituído em jogo da Juventus Imagem: Marco Bertorello/AFP

12/11/2019 10h08

A Juventus vai tratar com discrição a "rebeldia" de Cristiano Ronaldo. Na última rodada do Campeonato Italiano, o atacante foi substituído, não gostou e deixou o estádio antes do fim da partida. A diretoria dos Bianconeri espera que o atacante se desculpe com o elenco.

Caso CR7

Segundo aponta o jornal italiano 'La Gazzetta dello Sport', a atitude causou divergência entre os dirigentes. O diretor esportivo Fabio Paratici entrou em contato com Jorge Mendes, agente de CR7, logo após a partida e pediu esclarecimentos. A ideia é tratar o caso diretamente com o português, sem intermediários.

Desculpas

A Juventus, porém, não vai castigar Cristiano Ronaldo e, inclusive, não vai multá-lo. A ideia é que o jogador peça desculpas ao elenco e o caso seja tratado internamente. CR7 foi substituído por Dybala, aos dez minutos do segundo tempo. O argentino marcou o gol da vitória.

Segunda vez

Essa não foi a primeira vez que Cristiano Ronaldo foi substituído pelo treinador Maurizio Sarri. O português deixou o campo contra o Lokomotiv de Moscou, no jogo anterior, pela Liga dos Campeões. O primeiro tempo contra o Milan foi um dos seus piores com a camisa da Juve e o português chutou apenas uma bola ao gol.

Futebol