Topo

Rodrygo recebe elogios de ex-atletas do Real Madrid e é comparado a Raul

Rodrygo leva bola do jogo contra o Galatasaray para casa após marcar três vezes contra o time turco - Ricardo Nogueira/Eurasia Sport/Getty Images
Rodrygo leva bola do jogo contra o Galatasaray para casa após marcar três vezes contra o time turco Imagem: Ricardo Nogueira/Eurasia Sport/Getty Images

08/11/2019 10h36

Rodrygo está chamando atenção no Real Madrid com grandes performances. Na última vitória da equipe na Liga dos Campeões, a goleada por 6 a 0 sobre o Galatasaray, o brasileiro fez um hat-trick, deu uma assistência, e se tornou o segundo jogador mais jovem a atingir o feito na história da competição.

Por conta do bom momento do jovem, que tem deixado o torcedor merengue empolgado, o jornal espanhol "As" quis ouvir a opinião de ex-jogadores atuaram pelo Real para entender o sucesso do brasileiro.

Confira as principais análises sobre Rodrygo:

PACO BUYO

"Nos treinos, já se via o jogador que Raúl iria ser. Em Zaragoza fez tudo bem, exceto sua especialidade: o gol. Foi imparável. Rodrygo vê o gol com facilidade, ainda que (jogue) de forma diferente. Tem que cuidar dele, sem pressa."

LUIS MILLA

"Fiz o jogo como comentarista e disse que ele me lembrava o Raúl pela idade, pela maturidade que demonstra... é anormal para a sua idade. Tudo o que faz em campo faz sentido. Se o Zidane o leva para o jogo, é porque sobe o nível (do time)."

SANTI CAÑIZARES

"Não acho que a comparação com Raúl seja boa a Rodrygo. Em outras situações, isso não foi positivo. Gosto muito de ver um jovem assim, mas é melhor não lançar fogos de artifícios."

VICENTE DEL BOSQUE

"Com Emílio saíram outros atacantes muito bons, como o Alfonso e os da Quinta. Com Rodrygo acontece algo parecido: é fino, elegante... tem algo de diferente que se vê muito rápido."

ISIDO DÍAZ

"O Butragueño, em Cádiz, mostrou o grande jogador que foi. Era importante, tinha boa decisão na frente do gol. O mesmo foi visto em Raúl. O Rodrygo fez um grande jogo, marcou e jogou muito bem. Mas não vamos nos precipitar."

RAFAEL MARTÍN VÁZQUEZ

"Quando um técnico lança um garoto de 17 ou 18 anos para estrear, a palavra que pode definir é maturidade. Eu não me atrevo a comparar Rodrygo com l ou Butragueño, mas está claro que o rapaz respondeu Zidane à altura."

Real Madrid