Topo

UOL Esporte vê TV


"Gabigol é mais jogador que Gabriel Jesus", diz comentarista do Fox Sports

Gabriel Jesus e Gabigol brincam durante treino da seleção olímpica em 2016 - Lucas Figueiredo / MoWA Press
Gabriel Jesus e Gabigol brincam durante treino da seleção olímpica em 2016 Imagem: Lucas Figueiredo / MoWA Press

08/11/2019 15h55

Enquanto a fase do atacante Gabigol, do Flamengo, é positiva, Gabriel Jesus, do Manchester City, vive momento menos privilegiado no clube inglês. Para o comentarista Fábio Sormani, do Fox Sports, o atacante da Gávea já dava indícios de que seria melhor que o ex-Palmeiras. Sormani indicou que o atacante formado no Santos, mesmo sem ter se mantido na Europa, é mais jogador.

"Eu falei do Gabigol e do Gabriel Jesus! Só faltaram me esquartejar em praça pública. Eu falei: o Gabigol é mais jogador do que o Jesus. Aí não deu certo na Europa...", comentou ele, que foi rebatido pelo apresentador Benjamin Back:

"O Gabriel Jesus está jogando na Europa, no Manchester City".

Sormani retrucou: "Ele é banco no City. Banco no City! Eu falei, vamos esperar, o tempo é o senhor da razão".

Sormani fez a comparação entre os atacantes enquanto comentava sobre a função de Daniel Alves no São Paulo, que ele apontou como "superestimado", e afirmou que se Nino Paraíba atuasse no Barcelona na época que Dani atuou, eles teriam os mesmos títulos.

O ex-técnico do Internacional, Odair Hellmann, estava presente na atração e deu sua opinião sobre a comparação entre os atacantes. O treinador trabalhou com ambos na seleção olímpica que disputou os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016, e que ficou com a medalha de ouro.

"São dois atacantes de características bem distintas. O Gabigol é um cara que tá conseguindo, agora no Flamengo, com liberdade de movimentação, expressar muito mais a sua característica e a sua artilharia que tem como atacante. O Gabriel, a gente iniciou a Olimpíada com ele jogando por dentro, depois a gente fez a troca e colocou ele pelo lado do campo, e colocamos o Gabigol também do lado e trouxemos Neymar e Luan por dentro pra dar liberdade pra eles. São dois bons jogadores. Acho que o Gabriel Jesus é mais de força, tanto que pode fazer o lado de campo, tem essa capacidade, e um cara de definição. O Gabigol tem mais refino, tem mais repertório técnico e de habilidade na hora de tomar uma decisão, dar um drible, fazer uma finalização. O Gabriel é mais definidor, um jogador de força e proteção", salientou o técnico.

UOL Esporte vê TV