Topo

Futebol


Polícia prende seis torcedores da Bulgária por atos racistas e nazistas em jogo contra Inglaterra

17/10/2019 16h47

No início desta semana, em jogo válido pelas Eliminatórias da Eurocopa, a Inglaterra passou o carro em cima da Bulgária e venceu por 6 a 0, mas os principais momentos da partida, negativamente, foram as interrupções do confronto pro conta dos atos nazistas e racistas dos torcedores.

E nesta quinta-feira, a Polícia da Bulgária comunicou que identificou e prendeu seis torcedores sob acusação de racismo durante a partida da última segunda-feira. As autoridades informaram que identificaram 15 pessoas cometendo atos racistas e nazistas e que estão em buscas para prender tais pessoas.

- Seis pessoas foram presas durante a operação da polícia de Sofia depois que foi apurado que eles eram alguns dos perpetradores dos atos de desordem. Dos 15 torcedores identificados, nove já contam com informações obtidas pela polícia, incluindo reconhecimento facial - comunicou o Ministério do Interior da Bulgária

Segundo o próprio Ministério, as evidências filmadas pela TV serão enviadas para a promotoria búlgara e serão enviadas a julgamento.

- Não toleramos este tipo de comportamento. Todos que violarem a ordem pública será investigado, alguns já foram presos e ações serão tomadas contra todos - destacou Georgi Hadzhiev, comissário sênior do departamento de polícia de Sófia, capital da Bulgária.

Futebol