Topo

Futebol


Lamentação marca entrevista de Rogério Ceni no revés para o Vasco

13/10/2019 20h17

Se mesmo perdendo para o São Paulo no Pacaembu há duas rodadas o técnico Rogério Ceni fez uma avaliação com pontos positivos, no revés sofrido em São Januário para o Vasco nesse domingo (13) não se pode dizer o mesmo, pelo contrário.

Apesar de na etapa inicial ter avaliado que o compromisso foi nivelado "por baixo", com os dois times sem conseguir formular boas oportunidades, no segundo ele viu o time da casa apostar em uma estratégia com sucesso e seus comandados sem poder de reação:

- Nós produzimos pouco hoje. Foi o nosso mais abaixo da média. Jogamos um segundo tempo praticamente nulo, primeiro tempo ainda foi equilibrado, Vasco não criou muito, nós também não. No segundo, a bola parada do Vasco funcionou. Mesmo com as mudanças, não conseguimos evoluir e criar oportunidades de gols.

Em determinado momento, Rogério chegou a ameaçar uma reclamação em relação a penalidade que resultou no único tento do jogo feito por Yago Pikachu. Todavia, voltou a pontuar que o Fortaleza não produziu para que o resultado final fosse muito diferente.

- Não consigo ter uma certeza que foi pênalti, achei curioso ele nem ao menos olhar no monitor, mas não podemos colocar como algo que é influenciado no jogo. Acho que não jogamos bem até o momento do pênalti. Em termos gerais, jogamos pouco - agregou Ceni.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Futebol