Topo

Esporte


Arsenal vence Frankfurt fora de casa e estreia com vitória na Liga Europa

Aubameyang comemora com Nicolas Pepe após marcar na vitória do Arsenal sobre o Eintracht Frankfurt na Liga Europa - Daniel Roland/AFP
Aubameyang comemora com Nicolas Pepe após marcar na vitória do Arsenal sobre o Eintracht Frankfurt na Liga Europa Imagem: Daniel Roland/AFP

19/09/2019 15h46

Vice-campeão da última Liga Europa, o Arsenal começou a campanha desta temporada com um grande resultado. Fora de casa, os Gunners tiveram uma grande atuação e venceram o Eintracht Frankfurt por 3 a 0, gols de Willock, Saka e Aubameyang, em jogo válido pelo Grupo F do torneio.

Mesmo fora de casa, foi o Arsenal que teve a primeira chance de abrir o placar da partida em Frankfurt. Após jogada pela ponta esquerda, a bola veio cruzada para Torreira, que finalizou de primeira, mas a bola raspou o travessão.

O Arsenal foi novamente quem chegou mais perto de marcar ainda no primeiro tempo. Dessa vez, Aubameyang fez grande jogada individual, novamente pela esquerda, e jogou para o meio da área, onde Willock finalizou e viu a bola não entrar por poucos centímetros. Smith Rowe, instantes depois, também desperdiçou grande chance ao sair cara a cara e ser parado por bela defesa de Trapp.

Depois de duas grandes chances perdidas, finalmente o Arsenal conseguiu acertar a casinha e sair em vantagem no placar em Frankfurt. Em descida rápida novamente pelo lado esquerdo do ataque, Willock tirou a marcação e emendou de pé direito pra fazer 1 a 0.

Na etapa final, o Frankfurt foi para cima do Arsenal em busca do gol de empate, mas teve uma ducha de água fria quando Kohr foi expulso. Com um jogador a mais, o Arsenal aproveitou os espaços, e em contra-ataque perfeito, fez o segundo gol com um chutaço de Saka de fora da área aos 40 minutos.

Com o Frankfurt entregue, o Arsenal não precisou fazer força para marcar o terceiro e matar de vez o jogo na Alemanha. Após passe perfeito de Saka, Aubameyang, com muita tranquilidade, saiu frente a frente com Trapp e tocou no canto do goleiro para sacramentar a vitória dos Gunners.

Esporte