Topo

Esporte


Valdano fala sobre influência negativa de Neymar caso fosse para o Real

Valdano foi campeão do Mundo com a Argentina em 1986 - FOTO: JULIAN DE DOMINGO. ABC SEVILHA
Valdano foi campeão do Mundo com a Argentina em 1986 Imagem: FOTO: JULIAN DE DOMINGO. ABC SEVILHA

10/09/2019 10h17

A janela de transferências fechou e Neymar continuou no PSG, apesar do forte interesse de Barcelona e Real Madrid. Segundo Jorge Valdano, ex-atacante e ídolo dos Merengues, a permanência de Neymar no clube parisiense foi benéfica para o Real.

O argentino criticou a possível ida do craque da seleção brasileira para o clube do Real Madrid e falou até sobre a má influência que o jogador exerceria nos jovens que atuam pelo time.

"Não gostaria que Neymar assinasse com o Real Madrid, ele vive a profissão de uma forma confusa. Não sei se seria uma boa influência para os jovens brasileiros do Real Madrid, que certamente o idolatram", pontuou o ex-jogador à rádio espanhola 'Onda Cero', se referindo aos jogadores Vinícius Júnior e Rodrygo.

OS JOVENS

O Real Madrid conta com seis jogadores com menos de 21 anos. Rodrygo, com 18, é o mais jovem. Vinícius Júnior vem logo depois, com 19 anos. Brahim Díaz (20), Fede Valverde (21), Éder Militão (21) e Luka Jovic (21) completam a lista.

VETO

A imprensa espanhola, durante o período da janela de transferências, também especulou que um dos motivos que impediam o fato do clube tentar a contratação de Neymar seria a recusa de Zidane, que também acreditava que o brasileiro poderia influenciar negativamente os jovens brasileiros da equipe.

ÍDOLO

Jorge Valdano jogou no Real Madrid de 1984 a 1987, quando se aposentou. Ao todo foram 110 partidas e 52 gols marcados. O atacante conquistou dois Espanhóis (1985/86 e 1986/87) e dois Copas da Uefa (1984/85 e 1985/86), além da Copa do Mundo com a Argentina, em 1986.

Mais Esporte