Topo

Futebol


Figueirense emite comunicado oficial dando prazo para quitar débitos com o elenco

18/08/2019 13h46

O clima está péssimo no Figueirense no que se refere a relação atletas e diretoria. Ao ponto de, em função dos seguidos atrasos salariais, os jogadores do plantel comandado por Vinicius Eutrópio terem feito, por dois dias seguidos, greve nos treinamentos.

Em meio a esse momento difícil, o clube emitiu nesse domingo (18) um comunicado oficial no seu site informado que estabeleceu como 28 de agosto a data limite para fazer o acerto de pendências referentes a dois meses de direitos de imagens além do salário pago na carteira de trabalho do mês de julho.

Apesar da nota ter mais tom informativo do que analítico, ela faz uma especial menção ao fato de que os atletas haviam firmado compromisso de comparecerem ao treino no último sábado (17), algo que não aconteceu na prática.

Mesmo com todos os problemas até aqui enfrentados, a equipe tem chance (pelo menos matemática) de almejar objetivos melhores na competição. Nesse momento, o Figueira é o 12° colocado com 20 unidades e, se está somente a três da zona de rebaixamento, está seis atrás do primeiro ocupante do G4, a Ponte Preta.

Confira abaixo o comunicado oficial do Figueirense:

Conforme indicado para a reunião da última sexta-feira (16), no Orlando Scarpelli, em que os jogadores tinham confirmado presença e não compareceram, a diretoria do Figueirense quitará o salário CLT de julho e as duas imagens em atraso até o próximo dia 28 de agosto.

Os parâmetros estão ajustados no termo de compromisso assinado entre a Elephant, gestora da Figueirense Ltda, e a Associação Figueirense.

Mais Futebol