Topo

Futebol


Sampaoli lamenta imbróglios nas renovações de 'sparrings' do Santos

20/07/2019 10h04

O técnico Jorge Sampaoli se mostrou chateado ao comentar sobre os impasses nas renovações de Tailson, Sandry e Kaique Rocha. Ele afirmou, em entrevista coletiva, neste sábado, no CT Rei Pelé, que o principal problema é financeiro.

Sampaoli vê potencial nos jogadores citados. Prova disso é que os atletas começaram o ano sendo relacionados pelo argentino.

- Tem Tailson, Sandry, Kaique (Rocha), um monte de meninos que estão por ai não fazendo parte diretamente. Ainda não há entendimento com a diretoria e o empresário. Talvez tenham contratos mais consolidados. A questão é mais econômica, isso prejudica para que joguem. Sandry era muito valorizado, por isso chamei, mas faz três meses que eu não o vejo. Esperava Tailson no Brasileiro, mas o perdi. Tenho certeza que a prioridade é o dinheiro, não sei como terminará a história - afirmou o treinador.

O treinador do Peixe também prometeu que os 'sparrings' serão mais aproveitados no próximo ano. Sampaoli citou que isso é um processo natural em seus projetos.

No último duelo contra o Bahia, o comandante relacionou o volante Ivonei Jr e o atacante Allanzinho, ambos do sub-20 do Peixe.

- Sempre no primeiro ano não são tão utilizados, mas no segundo ano aparecerão mais. Sempre aconteceu isso em meus projetos, não descarto que esses jogadores possam atuar até o fim do ano. Podemos ter lesões e suspensos. Vamos ver - garantiu Sampaoli.

O Santos realiza o último treino na manhã deste sábado, no CT Rei Pelé, antes de viajar ao Rio de Janeiro para enfrentar o Botafogo, neste domingo, às 11h, no Engenhão, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Peixe é o segundo colocado do Brasileiro, com 23 pontos, três a menos que o Palmeiras.

Futebol