PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Após dois gols, Erik se despede do Botafogo: "Parece que foram anos"

REUTERS/Ricardo Moraes
Imagem: REUTERS/Ricardo Moraes

27/11/2018 15h42

No Estádio Nilton Santos, o protagonista da noite desta segunda-feira foi Jefferson, que se despediu da torcida. João Paulo, que voltou a jogar após oito meses, também foi homenageado. Mas Erik, que marcou os dois gols do Botafogo na vitória sobre o Paraná também não vai esquecer da festa.

Estes podem ter sido os últimos momentos do atacante pelo Glorioso. Ele não poderá atuar contra o Atlético-MG por razões contratuais - o empréstimo junto ao Palmeiras foi repassado pelo Galo - e, no início da tarde desta terça, ele agradeceu e se declarou ao clube e à torcida botafoguense.

Erik retorna ao Palmeiras com 17 jogos disputados pelo Botafogo e cinco gols marcados, fora participações em outros. O setor ofensivo do Glorioso evoluiu consideravelmente com a chegada do dele. A diretoria tentará um novo acordo para a próxima temporada, mas avalia como difícil o cenário.

Confira a publicação de Erik na íntegra, no Instagram:

"Quero agradecer primeiramente a Deus pela oportunidade de vestir essa camisa. Ficarão sempre na minha memória todos os momentos que passei aqui. Prometi desde o início que não faltaria raça, vontade e que eu sempre deixaria meu melhor em campo.

Na chegada, eu percebi o quão difícil e delicado era o momento, mas junto com o grupo buscamos as vitórias e superamos os momentos difíceis. Fui muito feliz nas minhas atuações individuais e meus companheiros foram muito importantes também para que eu conseguisse jogar bem.

Quero agradecer cada torcedor pelo carinho, todas as mensagens de apoio, mesmo nos momentos mais complicados dentro do clube. Parece que foram anos e anos que estive aqui com a camisa do Botafogo.

Esse último jogo foi muito difícil para mim. Emoção tomou conta dentro do vestiário antes da partida e ali eu falei para mim mesmo que ia dar mais que 100% para conseguir a vitória. Não será um adeus, mas só um até logo. Estarei sempre na torcida por essa estrela gloriosa."

Esporte