PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Liziero destoa de outros jovens e perde espaço com Jardine

Marcello Zambrana/AGIF
Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

24/11/2018 09h32

A utilização de garotos revelados em Cotia tem sido a principal marca da "era Jardine" no São Paulo, que começou após a demissão de Diego Aguirre e durará pelo menos até o fim do Campeonato Brasileiro. Quase todos os jovens do elenco estão tendo mais espaço do que tinham antes, mas Liziero está na contramão.

Lançado pelo próprio André Jardine em um jogo contra o Red Bull, no Paulistão, logo depois da saída de Dorival Júnior, o volante de 20 anos é o jovem que mais teve oportunidades em 2018 (jogou 38 vezes), mas ficou em campo por apenas 11 minutos ao longo dos três jogos após a demissão de Diego Aguirre.

Liziero entrou no lugar de Nenê na parte final do empate por 1 a 1 com o Grêmio, mas não saiu do banco na vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro e na derrota por 2 a 0 para o Vasco. Hudson, um dos volantes titulares de Jardine, foi substituído nessas duas partidas, respectivamente por Araruna e Shaylon, outros dois garotos.

Entre os jovens acionados por Jardine neste período, Liziero só jogou mais do que Araruna, que esteve em campo por dez minutos. Helinho (152 minutos), Shaylon (109 minutos), Antony (29 minutos), Brenner (26 minutos) e Pedro Bortoluzo (18 minutos) jogaram mais.

Jucilei e Hudson foram os volantes de Jardine nessas três partidas, mesmo que ele seja assumidamente fã do jogo ofensivo e que os dois tenham características prioritariamente defensivas. Contra o Vasco, por exemplo, Hudson teve mais liberdade para chegar à frente e até conseguiu participar de jogadas de ataque, mas não soube executá-las muito bem.

Apesar do momento de pouco brilho, Liziero é muito valorizado dentro e fora do São Paulo. Sua temporada é considerada muito positiva pelo clube. O maior problema foram as câimbras que o atingiram no segundo tempo de algumas partidas, algo até natural para quem troca a base pelo profissional e que provavelmente será resolvido com uma pré-temporada bem feita.

Isso se o jovem estiver no clube na pré-temporada, já que ele tem atraído olhares da Europa desde que tirou o passaporte, no meio do ano. Ao lado de Rodrigo Caio, é o atleta do elenco mais sujeito a receber propostas na janela.

Os garotos usados por Jardine:

São Paulo 1 x 1 Grêmio
Liziero - entrou aos 33'/2ºT
Shaylon - entrou aos 27'/2ºT
Helinho - saiu aos 24'/2ºT
Antony - entrou aos 24'/2ºT

São Paulo 1 x 0 Cruzeiro

Araruna - entrou aos 34'/2ºT
?Shaylon - saiu aos 19'/2ºT
Brenner - entrou aos 19'/2ºT

Vasco 2 x 0 São Paulo

Shaylon - entrou aos 17'/2ºT
Helinho - saiu aos 37'/2ºT
Antony - entrou aos 37'/2ºT
Pedro Bortoluzo - entrou aos 26'/2ºT

Esporte