PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Corinthians se aproxima de acordo para selar retorno de Fábio Carille

23/11/2018 17h49

O Corinthians tem tratativas avançadas para acertar o retorno do técnico Fábio Carille para a temporada 2019. Nos últimos dias, o presidente Andrés Sanchez manteve conversas com o empresário do treinador e o desfecho positivo é visto com otimismo por ambas as partes após os últimos contatos.

Para tirar Carille do Al-Wehda, clube da Arábia Saudita para o qual ele se transferiu em maio, o Corinthians precisará pagar a multa rescisória do contrato, avaliada em 700 mil dólares, cerca de R$ 2,7 milhões. Essa pendência ainda faz com que a parte de Carille mantenha cautela sobre o retorno.

O presidente Andrés Sanchez e seus pares vinham bancando a permanência de Jair Ventura para 2019, mas esse cenário mudou após o encontro entre Andrés e o agente de Carille na Inglaterra na semana passada. Na conversa, as partes se reaproximaram após atritos na saída do treinador e trataram com afinco da possibilidade de retorno de um dos mais vitoriosos técnicos da história recente do Corinthians.

Desde então, Andrés passou a falar com outros profissionais que trabalhavam no Corinthians e foram para a Arábia com Carille. O técnico levou o observador técnico Mauro da Silva, o auxiliar Leandro da Silva, o preparador de goleiros Mauri Lima, o preparador físico Walmir Cruz e o analista de desempenho Dênis Lupp, todos com anos de Timão. A tendência é que, confirmado o acerto, todos retornem ao clube em 2019.

Com contrato até dezembro de 2019, Jair Ventura tem comandado assegurado pela diretoria até o fim do Campeonato Brasileiro, com as duas rodadas que faltam: Chapecoense e Grêmio. Depois, ele deve ter o vínculo rescindido. A ele, caso se confirme, será explicado o peso que tem o retorno de Carille.

Alçado ao profissional no início de 2017 após anos como auxiliar, Fábio Carille conquistou três títulos em menos de um ano e meio de trabalho: Paulista e Brasileiro em 2017 e Paulista em 2018.

Esporte