PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ao explicar falta em Neymar, Cavani diz: 'Somos amigos, irmãos'

20/11/2018 09h05

Brasil e Uruguai, no último sábado, ficou marcado, também, pela falta e o entrevero de Cavani e Neymar, companheiros de equipe. Em entrevista a 'Rádio Montecarlo', no programa do ex-jogador Cristophe Dugarry, Edinson Cavani explicou o ocorrido e o que falou para Neymar. Além disso, comentou a situação do PSG, o entrosamento do trio de ataque e disse que um francês merece ganhar a Bola de Ouro.

- São coisas que acontecem no futebol. Somos amigos, irmãos. Mas quero ganhar e defender minha seleção. Não fiz nada, não toquei nele, fui vê-lo e lhe disse que não tinha tocado, só isso - revelou

Bola de Ouro

- Varane pode estar entre os candidatos. Griezmann, Mbappé... Tem que mirar o rendimento de todos, não apenas o nome. Tem que observar os últimos anos, os títulos ganhados, como foi a temporada... Para mim um francês tem que ganhar - disse

O trio

- Temos três jogadores que são tecnicamente importantes e é normal que todos queiram fazer gols. A tarefa do técnico é conectar seus jogadores, no ataque e também com a defesa. Tuchel tem falado com a gente, as vezes consegue, mas não é fácil - analisou

Momento do PSG

- Não é fácil para o treinador, mas creio que o trabalho de todos os dias, pouco a pouco, vai dar êxito. Todos vamos entendendo o que é o melhor, o que se pode fazer pela equipe e juntos ganhar coisas importantes. Temos que usar as qualidades a serviço da equipe - finalizou

Esporte