PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Zaha é vítima de racismo e ameaças de morte por torcida do Arsenal

30/10/2018 18h35

Wilfried Zaha é um dos principais jogadores do Crystal Palace na temporada e na última rodada da Premier League foi um personagem de destaque na partida. Na reta final de partida, o jogador sofreu um pênalti em um lance duvidoso e afirmou ter sido vítima de insultos raciais e ameaças de morte dos torcedores do Arsenal.

Apesar dos insultos feitos pelos torcedores, Granit Xhaka, jogador do Arsenal, afirmou que o lance foi um pênalti claro. Na cobrança, Luka Milivojevic convertou e empatou a partida por 2 a 2. Entretanto, mesmo com a afirmação do jogador, Zaha se pronunciou em suas redes sociais sobre o caso.

- Para todos que estão indo longe demais, sendo racistas e ameaçando de morte minha família, eu desejo a vocês e suas famílias o melhor. Beijos. PS: minha vida continua muito boa apesar de seu ódio - postou o jogador em seu stories no Instagram.

Essa não é a primeira vez que Zaha diz ter sofrido insultos racistas. Em 2017, o jogador do Crystal Palace afirmou que torcedores do Liverpool e do Manchester United o insultaram.

Esporte