PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Fluminense bate o Corinthians e abre vantagem na Copa do Brasil Sub-17

Técnico Marcos Soares comando o Corinthians no duelo contra o Fluminense - Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians
Técnico Marcos Soares comando o Corinthians no duelo contra o Fluminense Imagem: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

30/10/2018 18h20

Show de erros da defesa do Corinthians e um aproveitamento quase perfeito do ataque do Fluminense. Esse foi o cenário da partida de ida entre as equipes disputada nesta terça-feira, no Parque São Jorge, pelas quartas de final da Copa do Brasil Sub-17. Vantagem para a equipe carioca, que venceu pelo placar de 4 a 2 e pode perder por até dois gols na volta, na próxima quarta-feira, às 17h, ainda sem local definido, para se classificar.

O que é isso, lateral?

O Fluminense abriu o placar logo com dois minutos de partida. O lateral-direito do Corinthians tinha a bola dominado, mas falhou feio e escorregou, deixando o atacante Wallace livre para abrir o placar no jogo de ida das quartas da Copa do Brasil Sub-17, na Fazendinha.

Na área é pênalti!

Outra erro da defesa do Corinthians, outro gol do Fluminense. A defesa do Corinthians tinha a bola dominada, mas Luiz Henrique pressionou, tomou à frente e foi derrubado na grande área. João Pedro pegou a bola e bateu com categoria no canto, ampliando o placar.

Corinthians desconta

Na metade do primeiro tempo, o Corinthians passou a pressionar e encontrou o seu gol. Após cruzamento da direita, Lucas Pires aproveitou a bobeira da defesa do Fluminense e se adiantou ao lateral Calegari antes de bater firme. Marcelo ainda tentou a defesa, mas o Corinthians descontou.

Vantagem ampliada pelo Tricolor

No terceiro grande erro da defesa do Corinthians, veio o terceiro gol do Fluminense na partida. Novamente bola na área e outro pênalti cometido. Dessa vez, João Pedro foi derrubado e bateu no canto esquerdo para ampliar o placar.

Bola aérea e jogadaça definem o placar

No final da partida, o Corinthians ainda descontou. Após escanteio, Arthur Bessa subiu mais que a defesa tricolor e cabeceou sem chances para Marcelo. O placar estava quase definido, se não fosse por Gabriel Teixeira, que aproveitou a bela jogada de João Pedro para empurrar para as redes e fazer o 4 a 2.

Esporte