PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Brant comemora decisão da Justiça e diz que Sempre Vasco terá candidato

28/09/2018 23h56

Líder do grupo "Sempre Vasco", ligado ao advogado Alan Belaciano que foi o autor da ação que resultou na anulação, por liminar, da eleição do Vasco na tarde desta sexta-feira, Julio Brant esteve à noite na sede náutica do clube, na Lagoa, e conversou com os jornalistas sobre o episódio. Candidato derrotado do pleito que sofreu a anulação, o conselheiro interino comemorou a decisão da Justiça e afirmou que seu grupo será candidato, mas sem garantir o nome que sairá como cabeça de chapa.

- Quero parabenizar a decisão da Justiça. Eles vêm entendendo o processo e deixam um recado claro para a sociedade que não tem ninguém acima da lei. Ficou claro aquilo que for feito de errado ela estará em cima. Parabenizamos o Tribunal do Rio de Janeiro pela decisão tomada. Sempre confiamos na Justiça, desde o começo da eleição. Nas duas eleições que participamos trabalhamos dentro do estatuto, com campanha de proposta. Acredito que todos devam agir desta forma - afirmou Julio Brant, completando ainda sobre o fato de os membros da Chapa Azul terem ficado inaptos:

- A resposta foi o que esperávamos. A nossa chapa certamente terá um representante. Mas a decisão de quem será candidato será tomada pela chapa em uma reunião posterior após todo este caso judicial. (Sobre os membros da Chapa Azul), a decisão da Justiça é soberana. No nosso entendimento ela impede que quem praticou fraude não deve participar do processo eleitoral. Decisão da Justiça não se discute, se acata. Na minha visão, esta decisão é extremamente coerente com o processo.

A eleição do Vasco está foi anulada em decisão de tutela proferida pela juíza tabelar Gloria Heloiza Lima da Silva, da 29ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro de Janeiro. Novas datas já foram marcadas pela magistrada - em dezembro deste ano, dia 8 a primeira parte, entre os sócios, em São Januário, e dia 17, entre os conselheiros, na Lagoa. Enquanto isto, de forma interina, segundo a decisão da Justiça, Alexandre Campello segue presidente. O Vasco afirmou que irá recorrer da decisão.

> Assista a seguir as declarações de Julio Brant sobre a decisão da Justiça!

Esporte