PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Pep e Touré detonam bola da Copa da Liga: 'Inaceitável para alto nível'

25/10/2017 12h05

Com muito suor, o Manchester City avançou diante do Wolverhampton na Copa da Liga Inglesa, na última terça, após Claudio Bravo brilhar no tempo normal e nos pênaltis. No entanto, outra personagem roubou a cena, frisada depois do confronto, que ficou em 0 a 0 ao longo dos 120 minutos: a bola.

O técnico Pep Guardiola e o meio-campista Yaya Touré não pouparam críticas à bola da competição, fornecida pela Mitre, do Reino Unido - uma alternativa às tradicionais marcas Nike e Adidas. O comandante dos Citizens chegou a afirmar que o material é "inaceitável".

- É inaceitável. Essa bola é inaceitável para competição de alto nível. Nós jogamos com uma bola diferente. Não é Nike, Adidas, não sei, é uma marca diferente (Mitre). Não é uma bola séria para um jogo profissional. E estou dizendo isso depois de termos vencido. Como ganhei, posso dizer: não é aceitável - criticou Guardiola, em entrevista coletiva.

- Ela é muito leve, fica indo de lá para cá, não é uma boa bola. É impossível fazer um gol com uma bola dessas, e não estou inventando desculpas. Se é para marketing, dá dinheiro, eu entendo, mas não é aceitável. A bola não tem peso, não tem nada - completou Pep.

Titular do Manchester City no confronto diante do Wolverhampton, que lidera a Championship (Segundona da Inglaterra), o marfinense Touré também foi enfático ao cornetar a Mitre.

- Se você levar essa bola para a África, ninguém vai querer. Ela é muito ruim. Os jogadores esperam usar bolas, mas a de hoje era difícil - disse Yaya.

Esporte