PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Titular contra o Palmeiras, Claudinho fala do clima de decisão na Ponte

21/10/2017 19h40

Após perder para o Palmeiras, na última quinta-feira, a Ponte Preta perdeu a chance de sair da zona de rebaixamento. Agora, a Macaca encara o Avaí, adversário direto na tabela, em casa, para reencontrar o caminho das vitórias. A equipe de Eduardo Baptista não saber o que é vencher há três jogos.

Titular na partida contra o Verdão, Claudinho tem confiança na equipe para sair com os três pontos diante do Leão.

- Estou disposto a ajudar a equipe a sair da situação que está. Me senti muito bem em campo, acho que ajudei a equipe na frente, infelizmente o resultado não veio, mas é continuar o trabalho para que no próximo jogo a vitória venha - afirmou o atacante.

Enfrentando uma seca de gols, o atacante admite estar incomodado, mas garante que está trabalhando focado para voltar a marcar e ajudar a equipe a deixar o Z4.

- Mais do que ninguém eu quero fazer gols e ajudar a equipe a sair vitoriosa. Estou muito incomodado, para que esse gol saia logo e acredito que Deus tenha o tempo certo de tudo e vai sair na hora certa. O torcedor pode ter certeza que garra e disposição não vai faltar de minha parte - ressaltou.

Avaliando o próximo adversário, Claudinho falou sobre o clima de decisão que ronda o clube para esta rodada. Para ele, é preciso entrar bem posicionado e sem desespero para conseguir a importante vitória.

- Temos que ir com o posicionamento certo, com calma para não sermos surpreendidos. Esperamos que domingo o time saia com a vitória. É um confronto direto. Temos que encarar como uma final e não nos desesperamos - completou.

Ponte Preta e Avaí se enfrentam neste domingo, às 19h, no Moisés Lucarelli, em Campinas. Depois, a Macaca recebe o Corinthians, no outro domingo, às 17h. A equipe de Eduardo Baptista se encontra atualmente na 17ª posição, com 32 pontos, um a menos que o Vitóriam, primeira equipe fora da zona de rebaixamento.

Esporte