PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Já fora dos planos, Cícero acerta rescisão de contrato com o São Paulo

Cícero acertou a rescisão do seu contrato com o São Paulo - Mauro Horita/Estadão Conteúdo
Cícero acertou a rescisão do seu contrato com o São Paulo Imagem: Mauro Horita/Estadão Conteúdo

28/09/2017 16h06

O meia Cícero não é mais jogador do São Paulo. Afastado por Dorival Júnior e pela diretoria desde 9 de agosto, o atleta acertou sua rescisão de contrato e está livre para seguir a carreira em outro clube. Cícero tinha contrato com o Tricolor até dezembro de 2018 e, como já fez dez jogos no Campeonato Brasileiro, não pode mais atuar por outra equipe da Série A neste ano.

O jogador estava treinando em horários alternativos no CT da Barra Funda. Indicação do ex-técnico do clube, Rogério Ceni, no início da temporada, Cícero encerra sua segunda passagem pelo Morumbi, sem brilho. Ele disputou 32 partidas e marcou quatro gols com a camisa do São Paulo em 2017.

Ele teve propostas de clubes de fora do país após ser afastado, mas recusou. Agora, deve esperar o início da próxima temporada para definir o novo destino. 

A diretoria começou a amadurecer a decisão do afastamento logo após a saída de Rogério Ceni, no início de julho. O argumento era de que o jogador não se adequava totalmente às exigências do grupo. Em nota, Cícero negou que tenha tido qualquer problema de relacionamento com os companheiros.

Esporte