PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Presidente do Botafogo cumpre promessa e não será candidato a reeleição

Carlos Eduardo Pereira não será candidato à releição e cumpriu promessa de campanha - Vitor Silva/SSPress
Carlos Eduardo Pereira não será candidato à releição e cumpriu promessa de campanha Imagem: Vitor Silva/SSPress

31/08/2017 20h08

O grupo Mais Botafogo vai tentar a reeleição no pleito a ser disputada no próximo mês de novembro. Entretanto, o atual presidente, Carlos Eduardo Pereira, e o vice-geral, Nelson Mufarrej Filho vão inverter os postos na disputa que vai acontecer em novembro.

A decisão foi anunciada na noite desta quinta-feira, quando o grupo político da situação se reuniu na sede do clube. Apesar da aprovação da torcida e da tranquilidade nas reuniões do Conselho Deliberativo, o atual mandatário optou por ceder o lugar.

Isso representa mais uma promessa de campanha cumprida por Carlos Eduardo Pereira. Ele sempre foi contra a reeleição e, sob seu mandato, acabou com essa possibilidade.

Há mais de um ano ele vem mostrando ora desejo de continuar, ora desgaste. De todo modo, sempre deixou claro que a decisão seria anunciada o mais tarde possível, para evitar que o candidato se tornasse alvo político.

Dentre as razões para não buscar a reeleição individual estão as penhoras que sofreu e problemas de saúde na família, além das dores de cabeça que a função de representante maior de um grande clube lhe impõem.

Mufarrej vem aparecendo cada vez mais, publicamente, junto a Carlos Eduardo. A expectativa é de que pouco - ou quase nada - mude no organograma do clube.

Esporte