PUBLICIDADE
Topo

Esporte

TAS mantém punição à Bolívia, e Argentina continua em quinto lugar

29/08/2017 16h39

Nesta terça-feira, o Tribunal Arbitral do Esporte (CAS, na sigla em inglês) anunciou que manteve a punição à seleção boliviana imposta pela Fifa. Com isso, a equipe perde os pontos somados contra o Chile (empate por 0 a 0) e Peru (vitória por 2 a 0) pela escalação irregular do jogador Nelson Cabrera, paraguaio naturalizado boliviano, durante as Eliminatórias para a Copa.

Diante dessa decisão, a Argentina continua na quinta posição as eliminatórias, indo para a repescagem, já que os chilenos, em quarto, acabaram beneficiados. Em coletiva de imprensa, o técnico Jorge Sampaoli se manifestou contrário à decisão do TAS.

- Ficaria mais contente com outra decisão do TAS, mas agora temos que remar contra a maré para chegar ao Mundial. A opinião deles não é algo que depende de nós. É por isso que, desde o início, trabalhamos para mudar essa situação. Hoje, o mais importante é o jogo com o Uruguai. Não temos falado sobre a decisão da Côrte entre os integrantes da comissão técnica ou com nenhum jogador - disse o treinador.

Esporte