PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Jadson diz que não pode deixar título escapar e já projeta Liberta em 2018

29/08/2017 12h25

Os dez pontos de vantagem do Corinthians na liderança do Brasileirão empolgam Jadson, que não quer deixar o título escapar neste ano. O meia já teve uma experiência negativa em 2004, quando atuava pelo Atlético-PR e viu o Santos ser campeão na última rodada. Agora, porém, o jogador sabe que a diferença para o segundo colocado Grêmio é bastante considerável.

- O campeonato é longo, tem muitas rodadas pela frente, conseguimos um bom primeiro turno, mas não tem nada ganho. Temos de saber trabalhar com essa diferença que construímos, foi criada uma expectativa, e na minha opinião não podemos perder uma oportunidade dessa. Em 2004 tive a oportunidade com o Atlético-PR, mas na última rodada deixamos escapar - disse Jadson, em entrevista coletiva após o treino desta terça-feira.

- Sobre essa diferença de dez pontos que abrimos para o Grêmio, é complicado eles terem quatro vitórias seguidas e a gente perder os quatro. Sabemos que abrimos uma boa diferença, mas temos de entrar focados para conquistarmos esse título que seria muito importante para mim e para os garotos que ainda não tiveram oportunidade de ser campeão brasileiro - afirmou.

Jadson foi campeão brasileiro com o Corinthians em 2015, mas deixou o clube em seguida rumo ao Tianjin Quanjian (CHN). Desta vez, o meia já garantiu permanência para a próxima temporada e até projetou a disputa da Libertadores.

- Com certeza (vou ficar). Ano que vem, se der tudo certo e nossa equipe estiver na Libertadores, vou ficar no Corinthians e pretendo conquistar esse título que não tenho na minha carreira - declarou Jadson, que tem contrato com o Timão até o fim de 2018.

O Corinthians tem dez pontos de vantagem para o Grêmio, mas tem um jogo a mais que o adversário. Na próxima rodada, o Timão enfrenta o Santos, na Vila Belmira, apenas no dia 10 de setembro.

Esporte