PUBLICIDADE
Topo

Esporte

ATUAÇÕES: Diego e Arão decidem na vitória do Flamengo sobre o Furacão

27/08/2017 18h48

O Flamengo deu sequência na boa fase ao vencer o Atlético-PR neste domingo, na Ilha do Urubu. Com gols de Diego e Willian Arão, o Rubro-Negro não teve dificuldades para consolidar o placar ainda no primeiro tempo, em dia de bom rendimento coletivo. Pelo lado do Furacão, Weverton evitou um placar mais elástico dos cariocas e se salvou. Confira, a seguir, as notas do LANCE!

FLAMENGO

6,5

Diego Alves

Foi exigido poucas oportunidades ao longo do jogo, mas nestas vezes, cumpriu bem o papel. Passou segurança ao setor defensivo da equipe.

6,5

Rodinei

Correu bastante, sem desistir de nenhuma jogada. Isso pode ser bem valorizado pelo treinador na sequência da equipe na temporada.

6,0

Rhodolfo

A marcação foi segura. Também se arriscou nas saídas de bola e foi bem. Praticamente não errou durante os 90 minutos da partida em casa.

6,0

Juan

Assim como o seu companheiro, foi seguro na marcação das jogadas. Isso fez com que poucas bolas chegassem até o goleiro, que pouco trabalhou.

6,0

Pará

Movimentou bastante para a saída de bola da equipe fluir. Teve sucesso neste fundamento ao longo da partida. Pouco errou no posicionamento.

6,5

Cuéllar

Deu uma boa cara na transição das jogadas. A distribuição dos passes neste momento foi bem executada também pelo jogador.

7,5

Willian Arão

Conseguiu se impor nas jogadas ofensivas, principalmente na primeira parte do jogo. Além disso, fez o segundo gol da vitória em chute forte.

8,0

Diego

Não é de hoje que mostra o bom serviço com o time. Foi o autor do primeiro gol da vitória. Se movimentou bastante na criação.

7,0

Berrío

Veloz, conseguiu se movimentar e dar muitas opções de ataque. Participou do lance do segundo gol, ganhando a dividida com o adversário.

7,5

Everton

Levou muito perigo no setor ofensivo, indo de um lado para o outro na busca do último passe. Foi uma espécie de curinga para a equipe.

7,5

Guerrero

Teve participação incisiva nos 90 minutos. No primeiro gol, foi o responsável por cabecear para grande defesa, e Diego aproveitou o rebote.

6,5

Rômulo

Oportunista, aproveitou o fato de ser perspicaz e quase fez um bonito gol de cabeça, obrigando o goleiro rival a se esticar todo para defender.

6,0

Vinicius Júnior

Entrou para dar um novo gás ao setor ofensivo nos minutos finais da partida, cumprindo bem o que foi combinado com o treinador.

-

Éverton Ribeiro

Entrou no fim.

7,0

Técnico: Reinaldo Rueda

O treinador está há quatro jogos invicto no time, desde que assumiu. Mudou o cenário da formação, conseguindo recuperar a força do elenco.

ATLÉTICO-PR

7,0

Weverton

Apesar da derrota, fez muitos milagres. Se não fosse ele, seria goleada histórica. O principal da equipe.

5,0

Zé Ivaldo

Não conseguiu colocar velocidade nas saídas de bola.

4,0

Wanderson

Tarde apagada.

6,0

Paulo André

Ficou ligado na partida. Evitou um gol em chute de Rodinei.

4,5

Fabrício

Acertou pouco.

5,0

Pavez

Ao invés de trabalhar as jogadas, arriscou muito de longe e prejudicou o andamento da equipe.

5,0

Eduardo Henrique

Pouco fez nas tentativas de criação para o time arriscar ao ataque. Pode perder a vaga no time.

5,5

Sidcley

Até procurou chegar ao ataque, mas falhava na hora de finalizar.

6,0

Guilherme

Contribuiu com bons lançamentos aos companheiros.

5,5

Nikão

Não se posicionou bem.

5,5

Ribamar

Tentou aproveitar os contra-ataques - sem sucesso.

6,0

Pablo

Foi bem nas antecipações, um dos mais lúcidos para o setor ofensivo.

5,0

Douglas Coutinho

Ruim.

5,0

Matheus Rossetto

Correu na busca da bola, mas não foi feliz assim.

5,0

Técnico: Fabiano Soares

Não conseguiu fazer com que a equipe segurasse o ímpeto ofensivo do adversário.

Esporte