PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Jô, Rodriguinho e até Pablo: Carille vê chance de mais convocações até 2018

26/08/2017 07h45

Inegavelmente, a campanha do Corinthians no Campeonato Brasileiro chama atenção. Líder com a maior vantagem da história nesta altura da competição, o time do técnico Fábio Carille vive tão boa fase que cederá quatro jogadores para as Eliminatórias sul-americanas da Copa do Mundo nas próximas semanas: Cássio e Fagner para a Seleção Brasileira e Balbuena e Romero para a paraguaia.

Para o comandante, entretanto, pelo menos mais três jogadores do Corinthians estão fazendo por merecer uma oportunidade com Tite, seu velho conhecido de cinco anos e meio de trabalho no Timão: Jô, Rodriguinho e até o zagueiro Pablo, que nunca teve uma convocação. O treinador corintiano também considera Arana um selecionável, mas vê a possibilidade maior após a Copa do Mundo de 2018.

- Muita coisa pode acontecer até a Copa do Mundo. Numa fase final de preparação machucam jogadores, lesionam, Europa estará em reta final, muitas coisas podem acontecer. Aqui temos Jô fazendo um ótimo trabalho, Rodriguinho, que foi por méritos convocado, daqui a pouco Pablo, que está jogando demais, mas não sabemos se até 2018 poderá ser convocado como jogador do Corinthians. Podem aparecer oportunidades para outros atletas, sim - diz o técnico Fábio Carille, que teve participação ativa na retomada de Cássio e Fagner, hoje convocados por Tite.

A dupla de convocados do Corinthians se apresenta à CBF neste domingo, dia seguinte da partida contra o Atlético-GO pela 22ª rodada do Brasileirão. Eles enfrentam Equador e Colômbia pelas Eliminatórias e voltam ao Timão a tempo da partida contra o Santos, no dia 10, pela retomada da competição nacional.

Esporte