PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Dorival foca qualidades do Palmeiras e bola parada em treino secreto

25/08/2017 14h26

Dorival Júnior permitiu que os jornalistas acompanhassem somente o aquecimento no treino desta sexta-feira, no CT da Barra Funda. Sem a imprensa, definiu a escalação do São Paulo para o Choque-Rei de domingo, no Allianz Parque, e focou nas qualidades do Palmeiras e no trabalho de bola parada.

De acordo com o que foi divulgado pelo clube, o treinador usou a atividade tática para ajustar o posicionamento dos jogadores e indicou os pontos fortes do adversário. Simulou jogadas e reforçou o que trabalhou ao longo da semana - comanda treinos secretos desde quinta-feira.

O Tricolor informou ainda que, na parte final do treinamento, Dorival trabalhou bolas paradas, ajustando tanto o posicionamento defensivo quanto o ofensivo. Variou cobradores e ângulos para batidas de escanteio e faltas.

A bola parada tem sido uma das forças do São Paulo: nos últimos dez gols, sete vieram de bola parada: três foram de pênalti e outro de falta, mais três de escanteio. E o Palmeiras sofreu gol na bola aérea nos três últimos jogos, diante de Vasco, Atlético-PR e Chapecoense.

Em relação à escalação, Dorival Júnior faz mistério, mas já indicou que não deve optar por muitas novidades. A tendência é que a entrada de Pratto, de volta de suspensão, no lugar de Gilberto seja a única mudança na comparação com o time que iniciou o empate diante do Avaí, na última rodada.

A provável escalação são-paulina no Choque-Rei tem: Sidão; Buffarini, Arboleda, Rodrigo Caio e Edimar; Petros; Marcos Guilherme, Jucilei, Hernanes e Cueva; Pratto. Machucados, Bruno, Araruna, Júnior Tavares, Wellington Nem e Morato devem ser os desfalques do treinador no clássico.

O São Paulo encerra sua preparação para a partida em treino aberto à torcida no Morumbi, na manhã deste sábado, quando, pela primeira vez desde quarta-feira, a imprensa terá acesso à atividade inteira. A diretoria disponibilizará 30 mil lugares aos torcedores, que não poderão ir ao jogo porque o clássico terá apenas palmeirenses no Allianz Parque.

Os portões do Morumbi serão abertos a partir das 8h30, apesar de o treino estar marcado para às 9h30. A torcida poderá utilizar as arquibancadas amarela e vermelha para acompanhar as atividades lideradas pelo técnico Dorival Júnior. A entrada acontece pelo portão 15 e será liberada para quem levar um quilo de alimento, exceto sal e açúcar, na hora marcada.

Esporte