PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Arboleda traça meta antes de ir à seleção: fazer gol sobre o Palmeiras

Marcello Zambrana/AGIF
Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

24/08/2017 12h00

Arboleda foi convocado pela primeira vez pela seleção equatoriana desde que chegou ao São Paulo. Nas próximas semanas, estará à disposição do time nacional pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. Mas, antes disso, tem uma meta: balançar as redes no clássico contra o Palmeiras, neste domingo, no Allianz Parque.

"Ficaria muito feliz se pudesse marcar um gol no clássico antes da minha despedida, mas, obviamente, prefiro a vitória. Precisamos de um resultado positivo, porque isso nos devolveria a confiança e eu seguiria ainda mais contente para lutar pelo meu país", disse o defensor.

O camisa 4 já balançou as redes em clássico. Estreou na derrota por 3 a 2 para o Santos, na Vila Belmiro, em 9 de julho, quando a equipe foi comandada interinamente pelo ex-auxiliar Pintado, e fez o gol que diminuiu o placar. Com dez jogos pelo clube, ele ainda acertou cabeçada na vitória por 3 a 2 sobre o Cruzeiro, no último dia 13, quando o Morumbi recebeu o maior público deste Campeonato Brasileiro.

O Choque-Rei deste domingo chegou a ser comentado pelo próprio Arboleda durante sua entrevista coletiva, na semana passada. Ele está consciente da importância do confronto e brincou que gostaria de fazer um concurso de dança com Mina, zagueiro colombiano do Pallmeiras que está vetado da partida por lesão.

Neste fim de semana, o duelo é ainda mais importante pela fase do Tricolor, que voltou à zona de rebaixamento, com 23 pontos em 21 rodadas. Melhorar essa situação é prioridade para Arboleda antes de se apresentar à seleção para enfrentar o Brasil, no dia 31, em Porto Alegre, e o Peru, no dia 5 de setembro, em Quito - jogará contra os colegas de clube Rodrigo Caio e Cueva, respectivamente.

"Tenho feito parte deste processo das Eliminatórias nos últimos anos, mas me sinto mais orgulhoso agora porque representarei o São Paulo na seleção pela primeira vez. E isso me deixa muito contente nesta nova convocação", comentou Arboleda.

"Infelizmente, o nosso momento não é bom no Campeonato Brasileiro, mas tenho certeza de que reagiremos. Voltarei da seleção com ainda mais vontade de defender o clube", prometeu.

Como o Campeonato Brasileiro vai parar durante as próximas rodadas das Eliminatórias da Copa do Mundo, Arboleda, Rodrigo Caio e Cueva não serão desfalques de Dorival Júnior e estarão à disposição para enfrentar a Ponte Preta, no dia 9, no Morumbi.

Esporte