PUBLICIDADE
Topo

Esporte

'Revés não afeta Corinthians, devido a resultados da rodada', diz matemático

21/08/2017 13h36

Nem o fim de sua série invicta foi suficiente para tirar o Corinthians do posto de favorito ao título do Brasileirão de 2017. Dias depois da derrota por 1 a 0 para o Vitória, os cálculos divulgados pelo site Infobola divulgaram que o Timão tem 85% de possibilidades de dar a volta olímpica ao fim do ano.

Segundo o matemático Tristão Garcia, o panorama não se deve exclusivamente ao ótimo rendimento da equipe de Fábio Carille:

- Por mais que o Corinthians tenha tropeçado feio, a rodada não trouxe nenhuma ameaça nítida. Seus demais adversários também tiveram tropeços significativos, o que equilibraram os resultados para os corintianos - afirmou, ao LANCE!.

COLUNISTAS CREEM QUE RIVAIS 'JOGARAM A TOALHA CEDO'

Já os colunistas do L! apontam que a atitude dos concorrentes é importante para manter o Corinthians em alta:

- Os concorrentes "jogaram a toalha" cedo demais, ao escalarem reservas. Ainda está em tempo para mudarem, mas é difícil que Grêmio e Santos voltem-se para o Brasileirão enquanto estiverem, respectivamente, às voltas com Copa do Brasil e Copa Libertadores.

Os gremistas têm 12% de chances de título. Já os santistas mantêm 2% de possibilidades, contra 1% do Palmeiras.

Para João Carlos Assumpção, a derrota pode surgir como uma atenção para os corintianos:

- O revés iria ocorrer em algum momento no Corinthians. Mas ele pode ser bom, para manter os jogadores com os pés no chão. A equipe voltará suas atenções para as próximas partidas e, além disto, teve a "contribuição" dos tropeços de Grêmio, Santos e Palmeiras.

Esporte