PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Cerrone se indigna com salário pago pelo UFC: 'Não significo m.. nenhuma'

19/06/2016 18h48

Ex-desafiante dos leves do UFC, Donald Cerrone derrotou Patrick Côté por nocaute técnico, no último sábado (18), no Canadá e ainda levou cerca de R$ 180 mil de bônus por sua performance.

Mas o americano, que é o atleta que mais luta dentro do Ultimate, não pareceu nada satisfeito com a bolsa que lhe foi paga para enfrentar o canadense. Em coletiva de imprensa após o UFC Ottawa, o Caubói não mediu as palavras e disparou contra a organização.

- De acordo com o que eles me pagam, não significo m... nenhuma para o UFC, mas talvez eu converse com o Dana White depois dessa coletiva e vamos ver o que conseguimos - disse Cerrone.

O lutador acumulou a sua segunda vitória consecutiva do lutador na categoria dos meio-médios, após sofrer um nocaute para o brasileiro Rafael dos Anjos, campeão dos pesos-leves, em dezembro do ano passado. O americano agora mira duelos contra Khabib Nurmagomedov ou Nate Diaz, que tem luta marcada contra Conor McGregor em 20 de agosto, nos EUA.

Esporte