Neymar relata "angústia" como torcedor, mas sai em defesa da Seleção Brasileira após empate

Neymar marcou presença no empate em 0 a 0 entre Brasil e Costa Rica pela Copa América, no SoFi Stadium, em Los Angeles. Através de seu perfil no Instagram, o jogador do Al-Hilal contou como foi ficar no lado de torcedor e saiu em defesa da Seleção.

"Quando estamos em campo, obviamente queremos fazer o nosso melhor... Tem dia que não acertamos nada, mas tem dia que tudo se encaixa. Ser jogador de futebol é ser julgado o tempo inteiro, a cada passe, a cada chute, a cada escolha... E o por que disso tudo? Porque TODOS os brasileiros queriam ser jogador da Seleção Brasileira, todo mundo sonhou, todo mundo tentou", escreveu.

"Hoje eu vivi o lado torcedor, cheio de angústia, sentimento de que o gol iria sair, calafrio mas JAMAIS vou ultrapassar o limite fora do campo. Acabou o jogo, seguimos, bora treinar e melhorar para o próximo jogo. Confio muito nesse grupo e sei bem que eles irão fazer o melhor possível por eles, pela família e por todos os torcedores brasileiros", completou.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Ver essa foto no Instagram

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Neymar esteve na concentração da Seleção Brasileira no último domingo, véspera da estreia na Copa América. Ele jantou com a delegação no hotel situado dentro do Campus da UCLA (Universidade da Califórnia), em Los Angeles.

Em outubro do ano passado, Neymar sofreu uma grave lesão no joelho e está longe dos gramados desde então. Ele passou por um longo período de recuperação e vive a expectativa de retornar aos gramados em setembro.

O atacante do Al-Hilal também estará presente no próximo compromisso da Seleção, contra o Paraguai. A partida é válida pela segunda rodada da fase de grupos da Copa América e está marcada para a próxima sexta-feira, às 22h (de Brasília), no Allegiant Stadium, em Las Vegas.

Deixe seu comentário

Só para assinantes