Carille cita erros do Santos após Paulistão: 'Chegar à final não foi bom'

O Santos bateu o Goiás na última quarta-feira (19), na Vila Belmiro, e enfim voltou a vencer na Série B do Brasileiro. Aliviado com o fim do jejum, o técnico Fábio Carille citou erros que o time cometeu após o Paulistão que não podem voltar a se repetir.

"Das quatro derrotas, acho que duas não merecíamos. Poderíamos ter empatado. Tive um erro muito grave, sei onde errei e preciso corrigir isso. Na virada do Paulista eu errei, mas a gente aprende. O clube vai entendendo, eu também. Para que a gente volte aos trilhos, tenha a satisfação de ganhar", disse o comandante.

Em uma espécie de desabafo, o treinador evitou dar maiores detalhes, mas afirmou que devia ter "insistido mais" em algumas situações.

"Não só o Santos, mas principalmente eu. Tinha que ser mais persistente, insistir mais em algumas coisas. E não fiz. Temos que entender que vamos jogar em campos ruins, como foi em Ponta Grossa. Não era jogo para o Willian, mas era o que eu tinha. É entender o que é Série B, tem hora que é jogo de disputa, de briga. O torcedor tem que entender que não vai dar para jogar bonito sempre", avaliou.

Questionado sobre esse tal "erro grave" cometido, Carille deu a entender que preferia ter um elenco mais recheado e com mais opções do que o atual. Ele acha que o bom desempenho no Paulista, que terminou com o vice, acomodou e não fez bem à equipe.

"Não é questão de gestão. Situação que tinha que ter insistido mais, poderia ter mostrado melhor o que queria. E não fiz. Agora daqui alguns dias abre a janela, e não podemos errar", comentou.

"Devia ter insistido, brigado. Tenho uma experiência de Série B como auxiliar. Hoje, analisando, chegar na final do Paulista não foi bom. Não é porque está bem que está tudo certo. Isso acomodou. Levo como um aprendizado, prefiro ter 40 jogadores e ter que administrar o grupo do que passar por isso", finalizou.

A vitória alivia a pressão sobre Fábio Carille e coloca o Peixe, momentaneamente, de volta ao G4 da Série B. O Peixe, agora, é o quarto colocado da tabela de classificação, com 18 pontos.

O próximo compromisso do Santos está marcado para a próxima terça-feira. O time enfrenta o Mirassol, a partir das 19h (de Brasília), no Estádio Municipal José Maria de Campos Maia, pela 12ª rodada da Série B.

Deixe seu comentário

Só para assinantes