Contra o Vasco, Palmeiras utilizará uniformes especiais de campanha em defesa do meio ambiente

O Palmeiras usará uniformes diferentes na noite desta quinta-feira no duelo contra o Vasco, pela oitava rodada do Brasileirão. A bola rola às 21h30 (de Brasília), no Allianz Parque. A ação é em apoio ao "Junho Verde", mês dedicado à conscientização para a proteção ao meio ambiente.

Os atletas usarão duas camisas diferentes nos dois tempos do jogo. As novas camisas, em parceria com a Puma, são feitas 100% com poliéster reciclado e tecidos não utilizam alvejantes em seu processo de fabricação.

No primeiro tempo, os jogadores do Verdão entrarão em campo vestindo a camisa com predomínio da tonalidade verde e apenas algumas áreas brancas. Na etapa final, a equipe voltará a campo com a camisa com a cor branca ocupando o que antes era verde. De acordo com o Verdão, o simbolismo da troca de uniformes remete ao desmatamento ilegal e chama a atenção para a urgência da mobilização social em prol do tema.

"Palmeiras e Puma se unem, mais uma vez, para conscientizar os nossos milhões de torcedores sobre um tema urgente e de suma importância para todos nós. Procuramos chamar a atenção da sociedade para a necessidade de protegermos o meio ambiente, com foco, principalmente, no combate ao desmatamento das nossas florestas. É um alerta fundamental por um futuro mais verde e mais sustentável", afirmou a presidente Leila Pereira.

Continua após a publicidade

"A preocupação com a sustentabilidade está presente em tudo que fazemos e é um pilar que temos em comum com o Palmeiras. Criamos então duas camisas que levantam a temática em um momento importante com o objetivo de conscientizar os torcedores e a população em geral", destacou a diretora de Marketing da Puma Brasil, Luciana Soares.

Deixe seu comentário

Só para assinantes